Cultura

Foto: Divulgação

Duas gerações. Duas interpretações artística do nosso mundo e nosso tempo. Uma mesma família. Nesta quarta-feira (13), a partir das 20h, Gilson e Aluísio Cavalcante se encontram no palco para uma brincadeira lítero-musical no Café Paris, em Palmas. Em única apresentação, pai e filho prometem servir uma mistura audaciosa de música e poesia de primeira qualidade.

Num passeio pela música brasileira Aluísio Cavalcante (da banda Caixa de Marimbondo) promete traçar, através do repertório, uma linha histórica das suas influências culturais. Formação que parte inclusive do convívio com seu pai, Gilson Cavalcante. O escritor vai apresentar poemas recentes, além de músicas em parceria com o filho, além de fragmentos de livros já publicados e de outros escritores.

Com 4 livros publicados (69,Lâmpadas ao Abismo, Reinventário da Paisagem e Poemas da Margem Esquerda do Rio de Dentro) o escritor Gilson Cavalcante retornou a Palmas em 2007 depois de quatro anos entre Goiânia e Volta Redonda/RJ. Terreno fértil para o poeta reencontrou amigos artistas, músicos e sua família.

Aluísio Cavalcante , integra uma das mais novas bandas musicais da capital, a Caixa de Marimbondo. Como uma formação musical que percorre a passos largos a música popular brasileira, além do rock, do blues, da soul músic e do jazz. Já integrou outras bandas como a Balahara, além de assinar a direção musical do curta-metragem Pétalas de Alice, dirigido por Leila Dias.

A apresentação desta quarta-feira (13) marca o início de uma programação cultural do Café Paris. A proposta é proporcionar o encontro de músicos e escritores para apresentações, recitais e bate-papos culturais.

Da redação com informações da assessoria

Por: redação

Tags: cultura, Gilson Cavalcante