Polí­tica

Foto: Koró Rocha

O requerimento da deputada Luana Ribeiro (PR) convidando a Secretária da Educação, Dorinha Seabra, para vir à Assembléia Legislativa esclarecer os motivos que levaram o Tocantins a ocupar, mais uma vez, o último lugar na avaliação do ENEM, foi rejeitado pela bancada governista, que hoje, 10, pela manhã, compareceu em peso.

Ângelo Agnolin (DEM) disse que a situação é maioria “e a gente tem o direito de recusar a convocação sobre o braço da oposição” e completou, “a secretária vem a hora que ela quiser”.

A afirmação de Agnolin foi prontamente rebatida por Fabion Gomes (PR) que presidia a seção e disse que não era assim, “ela tem que respeitar a casa de leis e se for convocada tem que vir”. Agnolin então reconsiderou dizendo que era força de expressão.

 

Umberto Salvador Coelho