Polí­tica

Eli Borges (PMDB) reafirmou em nota nesta quarta-feira, 14, o que vem dizendo a bastante tempo, que não “nasceu para ser vice”. O peemedebista afirma que nasceu para administrar e que isto é o que fará à frente do executivo da capital depois das eleições.

Borges também se queixou da imprensa se dizendo o mais bombardeado de todos os pré-candidatos. Segundo ele alguns veículos de imprensa de forma desavisada especularam que ele seria vice-prefeito de Raul sem, contudo, consultá-lo.

Borges encerra a nota dizendo que se o PT quiser indicar o vice dele, “ótimo”, estará aberto.

Confira a nota na íntegra

Nota de esclarecimento

Tendo em vista comentários no meio político na Capital, por conseqüência de alguns veículos da imprensa que, desavisada, publicou especulações sem ouvir qualquer manifestação de minha parte, afirmando que eu, Deputado Eli Borges, seria candidato a vice-prefeito de Raul Filho quero esclarecer:

- Nesses dias que antecedem as convenções partidárias não tem um pré-candidato a prefeito mais "bombardeado" do que eu. Recordo-me de meu pai que sempre dizia: Não se joga pedra em árvore que não dá fruto;

- Deixo claro que sou candidato a prefeito de Palmas;

- Eli Borges não nasceu para ser vice, Eli Borges nasceu para administrar e é isso que farei frente ao Governo Municipal depois das eleições;

- Se o PT quiser indicar meu vice, ótimo, estou aberto para isso, pois tem muita gente boa no PT da Capital;

Quero trabalhar para o povo de Palmas, tendo como alvo a melhoria de vida dos palmenses, sem furtar-me do compromisso de industrializar nossa Capital transformando-a no principal pólo sócio-econômico da região norte.

Eli Borges

Deputado Estadual

 

Por: redação

Tags: Eli Borges, PMDB, Política, PT