Estado

Foto: Esequias Araujo

Definir estratégias para solução de problemas e garantir o desenvolvimento dos estados do Tocantins, Maranhão, Piauí, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Goiás, o chamado Corredor Centro-Norte do país. Este é o objetivo do Termo de Compromisso assinado entre os governadores do Piauí e Maranhão, Welington Dias e Jackson Lago, respectivamente, e o vice-governador Paulo Sidnei (que representava o governador Marcelo Miranda), durante o encerramento do encontro de governadores para discutir o Corredor, realizado em São Luis (MA).

O grupo quer aproveitar o potencial logístico da região - rodovias, a Ferrovia Norte-Sul, o Porto de Itaqui e a Hidrovia Tocantins-, para aumentar a produção de alimentos, biocombustíveis e minérios. “O mundo passa por uma crise na produção de alimentos e nós temos terras e condições de produzir. Precisamos aproveitar melhor essa oportunidade”, avaliou Paulo Sidnei, ressaltando a importância da aliança entre os estados.

Para Paulo Sidnei, o compromisso selado é um significativo passo para a continuidade do desenvolvimento do Tocantins que, durante o encontro, ainda recebeu o apoio dos demais estados para viabilização da hidrovia. Este é um dos pontos que devem compor a pauta de prioridades do Corredor, que será elaborada em um próximo encontro, previsto para acontecer em Teresina (PI), em data ainda a ser definida.

Além do vice-governador, participou do evento o secretário da Indústria e Comércio do Tocantins, Eudoro Pedroza. O potencial da região amazônica e a importância do desenvolvimento sustentável também foram pauta do encontro.

Fonte: Secom

Por: Redação

Tags: Estado, Fórum