Meio Ambiente

Com o objetivo de acompanhar e avaliar o desenvolvimento da vegetação e recuperação de matas ciliares alteradas, a Prefeitura de Palmas, por meio da Sedumah – Secretaria Municipal de Meio Ambiente, Desenvolvimento Urbano e Habitação, iniciará nesta quarta-feira, 18, às 16 horas, a implantação de uma Unidade Amostral de Recuperação de Mata Ciliar.

A unidade ocupará uma área de 42x50m e foi demarcada dentro dos limites legais da Área de Preservação Permanente que margeia o Córrego Brejo Comprido, ao lado da área verde onde se localiza a Diretoria de Meio Ambiente da Sedumah. Inicialmente, será realizado o plantio de 50 mudas de árvores nativas.

Segundo a diretoria de Meio Ambiente, a proposta é trabalhar junto com as instituições de ensino superior, com professores e alunos dos cursos da área ambiental, utilizando a área para pesquisa, em busca de testar metodologias adequadas e ampliar os conhecimentos que irão subsidiar a recuperação de 288.669,14 m2 de mata ciliar na extensão deste Córrego, agindo a favor da manutenção do curso de água.

Desde 2006, a Prefeitura de Palmas e demais instituições parceiras vem desenvolvendo ações voltadas à recuperação da mata ciliar e proteção das nascentes do Córrego Brejo Comprido, através do Projeto Olho DÁgua, com atividades de sensibilização, mobilização social e educação ambiental, além da produção de mudas de vegetação nativa que serão utilizadas.

Fonte: Ascop