Campo

Foto: Wherbert Araújo Profissional do Ruraltins explica sobre a compostagem, uma técnica de adubação verde Profissional do Ruraltins explica sobre a compostagem, uma técnica de adubação verde

Na manhã desta terça-feira, 5, começou a maior feira de tecnologia agropecuária da região Amazônica. O Instituto de Desenvolvimento Rural do Tocantins (Ruraltins) trouxe, em parceria com o Incra, mais de 400 pequenos produtores para participarem do dia de campo da agricultura familiar, que ocorreu hoje, de 8h às 12h, em 10 estações espalhadas pelo Centro Agrotecnológico, em Palmas.

Em cada estação, havia um profissional do Ruraltins orientando os agricultores sobre Produção Agroecológica Sustentável (PAS), Cultura do Pinhão Manso, Integração entre Fruticultura, Ovinos e Abelhas, Fogão Ecológico, Cultivo do Feijão Caupi, Sistemas Agroflorestais, Produção de Cachaça de Alambique, Compostagem, Produção Orgânica e Políticas Públicas de ATES – Assistência Técnica e Extensão Social.

Para Darci Alves da Silva, a metodologia de mini-palestras em vários pontos da Feira faz com que o público obtenha conhecimentos diferenciados e aumente sua produtividade respeitando o meio ambiente. “Eu só vejo vantagens em plantar várias culturas consorciadas, além de tudo sei que estou protegendo a natureza” afirma o agricultor familiar de Araguaína, que já utiliza sistemas agroflorestais e visitou a estação sobre o assunto.

Programação

Desta terça-feira até sábado, 9, quem for a Agrotins poderá assistir a palestras técnicas, clínicas tecnológicas, dinâmicas de máquinas e equipamentos, conhecer o Museu da Agricultura Familiar, a beleza do artesanato tocantinense e diversas novidades para que o desenvolvimento no campo seja cada vez mais sustentável. Dentre as alternativas apresentadas pelo Ruraltins, estão os defensivos naturais, feitos sem insumos químicos, de baixo custo e fácil aplicação.

Fonte: Ascom Ruraltins