Ciência & Tecnologia

Foto: Marcio Vieira

Empresários paulistas apresentaram em reunião com o governador Marcelo Miranda a Itacéu Telecom, empresa operadora de telecomunicação com tecnologia de padrão mundial de rede sem fio, que tem a perspectiva de atuar no Tocantins. A reunião aconteceu na tarde de ontem, quinta-feira, 4, no Palácio Araguaia, em Palmas, com a presença do secretário da Indústria e Comércio, Eudoro Pedroza.

O diretor de Operações da empresa, Fernando Canuto, explicou que a proposta da Itacéu Telecom é criar no Estado uma rede sem fio que amplie a democratização da informação, por meio da Internet com baixo custo. “Apresentamos uma solução de cidade digital, com a idéia de transformar a comunicação para que todos possam ter acesso”, disse, ao esclarecer que a ação seria baseada em um projeto-piloto que começaria pelos municípios mais afastados, a partir da identificação de dificuldades pelo próprio Governo do Estado para levar a informação aos municípios mais carentes.

Para o secretário Eudoro Pedroza, a proposta da empresa é atrativa para o Tocantins porque é uma tecnologia que pode diminuir gastos, atrair mais investimentos e emprego para o Estado e, portanto, será estudada pelo Governo. “Vamos buscar mais detalhes sobre a proposta nas cidades que está implantada, a exemplo de Ouro Preto (MG), e poderá ser uma empresa que também faça parte do Parque Tecnológico de Palmas,” disse o secretário.

Compareceram ainda à audiência a gerente comercial da Itacéu Telecom, Ângela Panisa; a representante da Itacéu no Tocantins, Corintha Rodrigues; o presidente da M3 Telecom, Michel Domingos - empresa que agencia o negócio - e o empresário de Palmas, Gilmar Cavalcante.

Serviço

A telefonia da Itacéu converge voz, dados pela Internet e permite a utilização dos serviços dentro ou fora da rede da empresa. Através de um aparelho de telefone, computador ou notebook, possibilita efetuar e receber ligações, independente da localidade, através da conexão com a Internet.

Fonte: Secom