Geral

A Fundação Nacional da Saúde (Funasa) lançou no último dia 07 de janeiro de 2010, a íntegra do Edital do Processo Seletivo Simplificado (PSS) da Fundação Nacional de Saúde (Funasa). As inscrições poderão ser feitas no site da Fundação Dom Cintra (FDC) da Universidade Católica de Petrópolis (www.domcintra.org.br), instituição responsável pela realização das provas. também a partir desta quinta-feira até o dia 4 de fevereiro de 2010, somente pela internet, no site da Fundação:

Os candidatos aprovados serão contratados, por tempo determinado, pelo prazo de 1(um) ano, prorrogável por mais 1(um) ano, conforme o previsto na Lei nº 8.745/93. Ao todo, são 802 (oitocentas e duas) vagas, das quais 440 para profissionais de nível superior destinados à Gestão da Atenção a Saúde Indígena e 362 para profissionais de nível médio, para atividades de Apoio Administrativo e Suporte Operacional à Gestão da Atenção à Saúde Indígena, incluindo 36 oportunidades para técnicos em contabilidade. Os candidatos aprovados serão contratados, por tempo determinado, pelo prazo de 1(um) ano, prorrogável por mais 1(um) ano, conforme o previsto na Lei nº 8.745/93.

Os profissionais selecionados serão distribuídos entre os 34 (e não 37 conforme anunciado anteriormente, por equívoco) Distritos Sanitários Especiais Indígenas (Dsei) em todo o país e no Departamento de Saúde Indígena (Desai) da Funasa, localizado na sede da instituição, em Brasília. A remuneração para os cargos de nível médio é de R$ 2.067,30 (dois mil e sessenta e sete reais e trinta centavos). Já os cargos de nível superior terão salário de R$ 2.643,28 (dois mil seiscentos e quarenta e três reais e vinte e oito centavos).

No total, são 38 vagas para Medicina, 100 para Enfermagem, 37 para Nutrição, 27 para Farmácia, 5 para Odontologia, 35 para Pedagogia, 12 para Economia, 61 para Ciências Contábeis e 96 para Administração. Também há vagas para outras áreas. Para o Estado do Tocantins segue disponível o total de 16 vagas.

Fonte: Ascom Funasa

Por: Redação

Tags: Concurso, Funasa, Fundação Dom Cintra