Geral

Foto: Divulgação

Na sessão desta terça-feira, 30, o deputado José Geraldo de Melo (PTB) fez uso da palavra agradecendo ao governador Carlos Gaguim (PMDB) pela atenção destinada aos servidores públicos e mostrou-se a favor dos mesmos: “Cumprimento os servidores da saúde e declaro ser favorável ao Projeto Lei que visa à redução da carga horária de 40 para 30 horas semanais”, disse o deputado.

Desde 2009 que o parlamentar tem como bandeira, a luta pela qualidade de atendimento à saúde da população, tendo em vista as condições de trabalho do servidor da saúde. Um dos requerimentos apresentados pelo deputado e aprovado, tendo como foco a área da saúde, tem como conteúdo o envio do Anteprojeto de Lei ao governador do Estado, dispondo sobre a jornada de trabalho dos enfermeiros, Técnicos e Auxiliares de Enfermagem.

O deputado considera a jornada de trabalho estressante, pois lidam o tempo todo com doenças e morte de pacientes. “Acredito que os profissionais de enfermagem precisam ter equilíbrio físico e mental para lidarem com o público necessitado, mas não há forma de assegurar a qualidade da atenção prestada em tais circunstâncias”, alerta José Geraldo.

Redução da carga horária

O projeto de lei que prevê a redução da carga horária de 40 para 30 horas semanais para os profissionais da saúde do Tocantins está na pauta de votação da Assembleia Legislativa desta terça-feira.

De acordo com o projeto 11 categorias profissionais serão contempladas com a redução da carga horária. Dentre elas, os enfermeiros, auxiliares e técnicos de enfermagem.

A jornada de trabalho de 30 horas para os trabalhadores da enfermagem já existe em alguns estados e municípios por iniciativas próprias. Palmas e Natal estão dentre os municípios que já adotaram a carga horária reduzida.

 

Da redação com informações Assessoria de Imprensa José Geraldo