Polí­tica

Foto: Divulgação

O ex-deputado federal Freire Júnior (PSDB) que era pré-candidato ao Senado no grupo da União do Tocantins será candidato a deputado estadual. Depois que manifestou sua insatisfação com a forma como o deputado federal do PR, Vicentinho Alves foi indicado na vaga que ele pleiteiava, o ex-governador Siqueira Campos (PSDB) procurou o ex-deputado e propôs a candidatura.

“O Siqueira, o Eduardo e o Vicentinho estiveram aqui em casa, conversamos sobre o mal entendido e eles pediram desculpas”, disse em entrevista ao Conexão Tocantins. Freire tinha afirmado que não aceitaria se candidatar a nenhuma outra vaga a não ser a do Senado no entanto foi convencido pelo grupo.

O ex-deputado vai representar a região sudeste e conta que recusou tentar uma vaga na Câmara Federal onde já teve quatro mandatos. “Fizeram uma convocação devido à minha experiência na vida pública, sendo assim irei participar do processo e o caso da indicação de Vicentinho já está encerrado”, afirmou completando que entendeu as razões do grupo para que ele não ocupasse a vaga.

No entanto, o ex-deputado chama atenção para que todos os fatos sejam discutidos no grupo. “É preciso mudar a maneira de tratar e discutir”, afirmou.

Bases de Cacildo

Freire comentou que pretende conversar com o deputado do PP, Cacildo Vasconcelos para conseguir contato nas bases eleitorais dele no Sudeste. Os dois devem se encontrar ainda nesta terça, 8, como confirmou Cacildo ao Conexão Tocantins. Sobre a possibilidade de encerrar a carreira política e apoiar Freire, Cacildo afirmou que não conversou ainda sobre o assunto. No entanto adiantou que o PP quer sua candidatura à reeleição. “Fiquei sabendo ontem que o Freire vai se candidatar a estadual mas eu ainda não decidi sobre minha candidatura”, disse.