Polí­tica

O Congresso em Foco divulgou nesta quinta-feira, 24, uma lista com 42 políticos que podem não se eleger nas eleições de outubro em virtude do Projeto Ficha Limpa que já está em vigor e impede a candidatura de políticos condenados.

O nome do ex-governador Marcelo Miranda (PMDB) que é pré-candidato ao Senado e foi cassado ano passado por abuso de poder político consta na lista. O Congresso em Foco compara ainda o caso de Marcelo ao do ex-governador da Paraíba Cássio Cunha Lima (PSDB) que também foi cassado ano passado.

Marcelo não ficou inelegível com a cassação no entanto de acordo com a interpretação do Tribunal Superior Eleitoral sobre o ficha limpa, o peemedebista pode ficar inelegível até 2014, segundo o Congresso em Foco.

Ao comentar o assunto ao Conexão Tocantins na última segunda-feira, 21, o ex-governador disse estar tranqüilo com relação à sua candidatura e afirmou também que pela orientação de alguns juristas seu caso é diferenciado e ele poderá registrar a candidatura.

Veja a lista divulgada no Congresso em Foco