Geral

Foto: Esequias Araújo Procurador vai recorrer no TSE Procurador vai recorrer no TSE

A Procuradoria Geral do Estado informou ao Conexão Tocantins que o governo vai recorrer no Tribunal Superior Eleitoral para tentar garantir a distribuição de bicicletas provavelmente dia 30, último dia para a realização das convenções partidárias.

O procurador geral Haroldo Rastoldo conta que a PGE vai recorrer contra a liminar do juiz eleitoral José Godinho que suspendeu a distribuição do benefício.Questionado sobre as possibilidades do governo conseguir a liberação o procurador foi suscinto e apenas afirmou que os argumentos são convincente apenas é uma questão de interpretação.Ao todo seriam distribuídas mais de 40 mil bicicletas.

Rastoldo pediu autorização para o juiz para que um dos caminhões que traz as bicicletas seja transferido de Figueirópolis para Palmas. Nesse sentido ele nega que esteja acontecendo alguma doação sem autorização da justiça. “Os caminhões estão chegando apenas pedi autorização para que eles cheguem até Palmas”, explicou.

O caminhão traz as bicicletas direto da fábrica e deve chegar em Palmas hoje. As bicicletas estão guardadas em depósitos.

A PGE vai protocolar também uma petição na Polícia federal comunicando da transferência do caminhão. A PGE não sabe estimar a quantidade de bicicletas que estão no caminhão.

Repercussão nacional

O impasse da doação das bicicletas em ano eleitoral mesmo sendo através da cessão de uso e da Fundação dos Pioneiros ganhou repercussão nacional. Questionado sobre o impacto dessa repercussão na decisão do TSE, o procurador chama atenção para a “onda de denuncismo” em torno do assunto.

A ação que pediu a suspensão da entrega alegando vantagem eleitoral foi de autoria do PTN, presidido no Estado por Júnior Luiz.