Polí­tica

Foto: Conexão Tocantins

Depois de mais de três horas de reunião, o presidente regional do PT, Donizeti Nogueira, anunciou, em entrevista coletiva na tarde desta quarta-feira, 30, que o PT fechou o apoio à candidatura do governador Carlos Henrique Gaguim (PMDB) ao Palácio Araguaia e vai retirar o nome do ex-prefeito de Porto nacional da disputa pelo governo do Estado.

De acordo com o presidente, o partido definiu que será pedido ao ex-prefeito de Porto Nacional, Paulo Mourão (PT) que concorra ao senado na chapa governista. “O PT pediu ao Paulo Mourão que aceitasse fazer a coligação com o PMDB”, completou.

No entanto, o presidente destacou que o ex-candidato ainda não aceitou a proposta petista, o que precisa definir ainda hoje, data limite da decisão.

De acordo com Nogueira, outros nomes foram indicados para concorrer ao senado peemedebista caso Mourão não aceite. São nomes como o da deputada estadual Solange Duailibe e José Messias. Donizeti destacou ainda que o ex-secretário de governo da prefeitura de Palmas, Darci Coelho, desistiu da candidatura na majoritária de Carlos Gaguim.

Proporcionais

Outro ponto pendente, segundo o presidente do PT, é a questão das proporcionais em conjunto com a coligação governista. Donizeti destacou que as conversas para a definição dos nomes ainda continuam até o horário limite do final da convenção do PMDB. “Nós temos muitos nomes e o PMDB ofereceu três ou quatro vagas. Ainda tem que negociar”, destacou.

Contudo, como a decisão tem que ser tomada com certa urgência pela data limite da convenção, Donizeti afirmou que a decisão sai ainda esta tarde.

Convenção PMDB

A convenção estadual do PMDB ainda está interrompida e deve retornar a partir das 17h no Paço Municipal de Palmas.