Palmas

Pesquisa nacional divulgada pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), que teve seus dados analisados pelo O Lojista, mostra que as famílias do Tocantins gastam, em média, a quantia de R$ 1.672,91 por mês. O montante é R$ 461,86 menor que a média nacional. Percentualmente, a diferença é de 27,61% a menos no Tocantins. O período da pesquisa envolve os anos de 2008 e 2009.

Na comparação com os outros estados do Brasil, o Tocantins está na 14ª posição, à frente de outras 13 unidades da federação. O Estado com o maior valor mensal de consumo familiar é o Distrito Federal, com R$ 3.068,47. A quantia é 83,42% a mais do que o registrado no Tocantins.

Já o menor valor de consumo familiar por mês está em Alagoas, com apenas R$ 1.064,60. O montante é 36,36% menor do que o do Tocantins. Na região norte, o Tocantins está exatamente no meio da classificação, com três estados à sua frente e outros três atrás.

O Tocantins ganha do Amazonas, de Roraima e do Pará, mas perde para Rondônia, Acre e Amapá. A análise dos números do IBGE por região geográfica no país mostra que a pior situação está no nordeste. Os nove estados nordestinos têm gasto familiar mensal inferior ao do Tocantins, por exemplo.

Divisão

O IBGE também fez a avaliação de como são gasto os recursos familiares por item. No Tocantins, a maior despesa é com a habitação, com 33,3% dos recursos das famílias sendo aplicados nessa área. Em dinheiro, o percentual representa R$ 557,38 dos gastos familiares. Para a CDL-Palmas (Câmara de Dirigentes Lojistas de Palmas), o montante dispensado a habitação é um reflexo direto do alto custo habitacional de Palmas.

Com um aluguel elevado, o custo da habitação, em especial para quem não tem casa própria, tende a ser elevado.

Em segundo lugar aparece a alimentação, com 22,3%, o que significa R$ 373,42. Na terceira posição está o transporte, com R$ 21,6%, o que significa R$ 361,52. Na avaliação do O Lojista, o fato de Palmas ser uma cidade muito extensa, aumenta os gatos com transporte coletivo e com de combustível de quem possui veículo próprio. Desta forma, a capital contribui, e muito, para que as despesas com transporte sejam grandes.

O vestuário é responsável apenas por 6,6% dos gastos mensais das famílias. Em dinheiro, o percentual representa R$ 109,73. Comparando com outros estados, o valor do gasto familiar em vestuário do Tocantins é o 13º maior em dinheiro. Percentualmente, os 6,6% é o sexto que mais consome com vestuário.

Fonte: Assessoria de Imprensa/ CDL

Por: Redação

Tags: CDL Palmas, IBGE, O Lojista, Palmas, Tocantins