Palmas

Foto: Conexão Tocantins

Na primeira mobilização aberta da coligação Tocantins Levado a Sério para as eleições de outubro, militantes de vários bairros da capital prestigiaram na noite desta sexta-feira, 9, o primeiro comício do candidato Siqueira Campos (PSDB).

O candidato chegou ao local acompanhado da senadora Kátia Abreu (DEM) e do senador João Ribeiro (PR).A estrutura montada não lotou e várias cadeiras ficaram vazias.

Da majoritária o primeiro candidato a falar foi Vicentinho Alves (PR). O candidato apresentou sua trajetória política aos presentes. Vicentinho usou maior parte da sua fala para mencionar emendas e recursos que trouxe para capital. “ O ritmo da campanha está muito forte”, disse, ressaltando a agenda dos candidatos pelos municípios. “Ele tem a confiança dos homens, das mulheres, da juventude do nosso Estado”, disse, se referindo à receptividade de Siqueira pelo Estado.

Em seguida João Ribeiro, anunciado como o responsável por trazer recursos para o Estado, fez seu pronunciamento. Novamente ao lado de Kátia e Siqueira, que fazem palanque para José Serra (PSDB), ele rendeu elogios ao presidente Lula (PT) e chegou a chamá-lo de “grande presidente”.

Ribeiro falou em números de creches que trouxe para os municípios e disse que a saúde do Estado precisa melhorar. O senador elogiou ainda todos os deputados da bancada do Estado incluindo os da oposição. “Quero continuar como senador se vocês acharem que eu mereço”, disse.

A senadora representou o vice, João Oliveira (DEM) que está em viagem em São Paulo mas não falou no evento.

Candidatos proporcionais

A primeira a falar no comício foi o vereador de Palmas e candidato a deputado estadual Valdemar Júnior (DEM) que ressaltou a necessidade de união de todos na capital em torno do nome do ex-governador. Também disputando uma cadeira na Assembleia legislativa falou ainda Luana Ribeiro (PR).

O candidato a deputado estadual, Freire Júnior (PSDB), em sua breve fala, comentou que seu nome foi colocado com o intuito de “dar respaldo e sustentação política”. O tucano quase se afastou do grupo por não ter sido indicado ao Senado.

Lelis alfineta Raul e Solange

Aclamado pelos presentes, Marcelo Lelis (PV) aproveitou sua fala para mencionar problemas do município. “E o prefeito ainda fala em aumentar tarifas”, disse, se referindo ao petista Raul Filho (PT). Lelis mencionou o consumo de crack na capital e também alfinetou o governo estadual, do qual fazia parte no início do ano.

Lelis não poupou ainda a deputada Solange Duailibe e lembrou críticas que a petista fez a ele na Assembleia Legislativa. “Ela não sabe o quanto ela me elogia”, disse se referindo ao fato de Solange às vezes chamá-lo de vereador de Palmas.