Polí­tica

Foto: Divulgação

O candidato a deputado federal, Júnior Marzola (DEM) informou ao Conexão Tocantins nesta quinta-feira, 12, que está consultando suas bases eleitorais e ainda os presidentes de sindicatos rurais antes de anunciar se vai mesmo desistir da candidatura ou vai seguir com a campanha mesmo sem o apoio do partido. "Estou consultando os presidentes de sindicatos porque não vou tomar atitude precipitada", afirmou na entrevista.

Marzola disse ao Conexão Tocantins que "não confirma, nem descarta" a possibilidade de apoiar a candidatura do governador Carlos Henrique Gaguim (PMDB). Segundo as informações, o candidato pode permanecer com a candidatura, mas há chances do democrata aderir ao grupo governista em função da perda de apoios no grupoe principalmente para o filho da senadora Kátia Abreu (DEM), Irajá Silvestre.

O democrata retornou à presidência da Federação de Agricultura e Pecuaria do Tocantins (FAET) e percorre alguns municípios conversando com as principais lideranças de apoio. No partido, a cúpula acredita que Marzola não seguirá na disputa e aposta na eleição de Irajá e Dorinha Seabra.