Campo

O diretor de ordenamento da estrutura fundiária do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (INCRA), Richard Tarsiano, anunciou ao deputado federal Junior Marzola (DEM), durante audiência na sede do órgão em Brasília, que será criada uma força-tarefa no Tocantins com o objetivo de destravar os processos cujo objetivo é oCertificado deCadastro de Imóvel Rural (CCIR), documento fundamental para a liberação de créditos públicos destinados a financiamento da safra agrícola.

Na audiência, o deputado Marzola afirmou que a dificuldade que o Incraestá tendo para prestar os serviços demandados pelo setor rural representa prejuízos bilionários ao país.

Segundo o diretor do ordenamento da estrutura fundiária, serão remanejados funcionários das unidades de Goiás e Minas Gerais, justamente para acelerar a análise dos projetos. No Tocantins, existem 945 processos de certificação à espera de análise.

O CCIR é uma exigência definida por meio da Resolução nº 3.545 do Banco Central. O Cadastro é emitido pelo INCRA atesta a regularidade do imóvel no Sistema Nacional de Cadastro Rural (SNCR). Proprietários de imóveis rurais com o CCIR suspenso ficam impedidos de pedir empréstimos a bancos públicos e privados.

A Força Tarefa do INCRA no Tocantins será iniciada no dia 01 de setembro.

Fonte: Assessoria de imprensa Júnior Marzola

Por: Redação

Tags: CCIR, Incra, Júnior Marzola, Richard Tarsiano