Estado

Técnicos da área de Educação em Saúde da Coordenação Regional da Funasa no Tocantins promoveram no período de 09 a 24 deste mês, visitas técnicas em vários municípios do Estado, com o objetivo de supervisionar, orientar e fomentar os responsáveis pelas as ações de educação em saúde e mobilização social dos municípios, e da elaboração e execução dos projetos educativos que foram pactuados nos convênios de saneamento básico firmados entre a Funasa e municípios.

As ações educativas é parte integrante dos convênios de saneamento básico, asseguradas através de Portarias da Funasa, que visa o envolvimento dos beneficiários durante a elaboração e execução dos projetos, com a mudança de atitude e a melhoria de qualidade de vida da população.

Os técnicos de educação em saúde; Ana Cleide Gonçalves, Waldizia Silva e João Batista iniciam os trabalhos com reuniões com os gestores de cada município, onde foram expostos os objetivos da visita, em seguida reunião com os técnicos responsáveis pelas execuções das ações, verificando quais as ações que já foram feitas junto aos públicos beneficiados com as ações de saneamento básico.

A técnica de Educação em Saúde, Ana Cleide Gonçalves, destacou durante as visitas a Lei 11. 445/07, que estabelece as diretrizes nacionais para o saneamento básico com a criação do Plano Municipal de Saneamento Básico, e a importância da criação de um núcleo municipal de educação em saúde permanente para organização dos trabalhos, tornando se como referência para o município.

Para o coordenador Regional, José Inácio da Silva Filho, as práticas de ações educativas é muito importante para a preservação e manutenção das obras implantadas pela Funasa, a população precisa estar inteirada sobre os benefícios que a obra vai influenciar em sua vida.

Dos 139 municípios do Tocantins, a Funasa financia e acompanha obras de saneamento básico em 90% deles, com ações de Construção e Ampliação de Sistema de Abastecimento de Água, Melhoria Sanitária Domiciliares, Sistema de Esgotamento Sanitário, Resíduos Sólidos, Melhoria Habitacional para o controle da Doença de Chagas, Água na Escola. E também as comunidades de interesse especiais como: quilombolas, ribeirinhos e assentados.

Fonte: Assessoria de Imprensa/ Funasa

Por: Redação

Tags: Educação, Funasa, Saneamento Básico, Saúde