Geral

A Universidade Federal do Tocantins, por meio da Pró-reitoria de Extensão, Cultura e Assuntos Comunitários (Proex), deve publicar agora em setembro, edital com a abertura de 100 vagas para o cursinho pré-vestibular gratuito da UFT, no Campus de Palmas. Denominado de Programa de Acesso Democrático ao Ensino Superior, a medida pretende promover a inclusão de pessoas que já terminaram o ensino médio, mas não conseguiram aprovação no vestibular.

De acordo com a pró-reitora de Extensão, Cultura e Assuntos Comunitários, Marluce Zacariotti, o edital deverá ser publicado até o fim da primeira quinzena de setembro, com as aulas começando no início de outubro. Com isso, de acordo com Marluce, aqueles alunos selecionados e matriculados no cursinho, que já quiserem prestar o vestibular de novembro, poderão fazê-lo, mas “nosso foco é o vestibular 2011.2, pois o cursinho tem duração de quatro meses”, observa.

A pró-reitora explica também que o cursinho é totalmente gratuito e aberto à comunidade em geral. Sobre os critérios, ela diz que: “a seleção será baseada no questionário socio-econômico do candidato que deve, obrigatoriamente, ter feito todo o ensino médio em escola da rede pública”. Marluce ainda diz que o cursinho deve atender comunidades como a do Jardim Taquari, entre muitas outras.

O projeto já tem o apoio do Colégio Dom Bosco, que deve contribuir com material didático. A UFT também está buscando parceria junto à Prefeitura de Palmas, por meio da Secretaria da Juventude e Esporte, visando, por exemplo, o passe livre aos alunos do cursinho, pois as aulas serão ministradas no Campus de Palmas. Docentes e alunos da Universidade serão os responsáveis pela aplicação das disciplinas. “O cursinho é uma forma de inclusão social da UFT que tem com meta ser uma Universidade para todos”, concluiu a pró-reitora.

Fonte: Assessoria de Imprensa UFT