Polí­tica

Durante reunião do Partido dos Trabalhadores neste sábado, 20, em Augustinópolis o prefeito de Axixá, Ruidiard Brito, provocou polêmica ao culpar o PMDB, partido do governador Carlos Henrique Gaguim pelo fato do grupo não ter conseguido êxito nas urnas nem ter elegido o candidato ao Senado, Paulo Mourão.

Ruidiard salientou que o partido não proibiu os candidatos a deputado estadual e federal da legenda de apoiar a candidatura de João Ribeiro, que concorreu no grupo do governador eleito Siqueira Campos (PSDB).

A derrota da reeleição de Gaguim nas urnas, segundo o prefeito, foi por falta de posicionamento do partido junto aos filiados.

As críticas à postura do PMDB também continuaram neste domingo, 21, quando o vice-prefeito de Aragominas, Antônio Libânio, durante outra reunião da legenda também culpou o partido que é presidido no Estado pelo deputado federal Osvaldo Reis. “Estas posturas atrapalharam as eleições”, disse.

Ao apontar a infidelidade partidária como um dos principais motivos para a derrota do grupo, alguns petistas citaram ainda o caso do prefeito de Palmas, Raul Filho (PT) que apoiou Ribeiro ao invés de Mourão.

No PT, os processos contra membros que não seguiram a orientação partidária está na comissão de ética mas sem prazo para análise.