Palmas

Foto: Divulgação Felipe Alburquerque, presidente do DCE/UFT Felipe Alburquerque, presidente do DCE/UFT

Mesmo sem definição de valor com relação ao aumento da tarifa de transporte coletivo de Palmas, líderes do movimento estudantil já preparam um calendário de manifestação para evitar que esta discussão prospere.

“Há uma antecipação do movimento estudantil para que nem se discuta esse aumento”, salientou o presidente do Diretório Central dos Estudantes, Felipe Albuquerque.

O presidente frisa que é abusivo um novo aumento em menos de seis meses do anterior. “Esperamos que essa discussão não prospere”, disse.

As manifestações para que não haja aumento já estão acontecendo via twitter mas outras reivindicações podem ser programadas assim que retornarem as aulas na UFT e em outras faculdades. “Por enquanto as manifestações são só na internet e pelo twitter, algumas universidades como a UFT só começam as aulas a partir do dia 21 sendo assim a gente não tem ainda capacidade de mobilização estudantil”, frisou.

A discussão sobre o aumento está ainda no Conselho municipal de Trânsito. Dois membros, o vereador José do lago Folha (PTN) e a estudante Nataly Dias pediram vista.