Palmas

Foto: Divulgação Presidente do Sisemp, Carlos Augusto de Oliveira Presidente do Sisemp, Carlos Augusto de Oliveira

O presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Palmas (Sisemp), Carlos Augusto de Oliveira, e os agentes municipais de combate às endemias, protocolam nesta quinta-feira, às 09 horas da manhã, no Fórum de Palmas, um Mandado de Segurança contra o que chamam de ato omissivo do secretário municipal de Saúde, Samuel Braga Bonilha.

O Mandado de Segurança questiona sobre os motivos do atraso no repasse do auxílio transporte para agentes de combate às endemias, que são servidores municipais de saúde.

O Sisemp informa que por diversas vezes debateu com a prefeitura a respeito do atraso no repasse do auxílio transporte dos agentes, porém o poder público tem se mostrado indiferente, e insiste em não cumprir com esta obrigação, segundo o sindicato.

Ainda segundo o Sisemp, a demora no repasse deste benefício vem causando diversos transtornos para os agentes, pelo fato de dependerem do repasse do auxílio para se locomoverem ao trabalho.

Extrema importância

Os agentes de combate às endemias desempenham uma função de extrema importância para a população, sobretudo neste período do ano em que o calor e as chuvas favorecem a proliferação do mosquito da dengue, e qualquer alteração no trabalho destes profissionais pode causar sérios danos à população segundo o Sisemp.

Da redação com informações Sisemp