Cultura

Foto: Divulgação

Um projeto para realização do Carnaval de Palmas com envolvimento da comunidade foi apresentado por membros das Escolas de Samba de Palmas, na tarde desta terça-feira, 15. Como medida de curto prazo, a comunidade carnavalesca se mobiliza no sentido de reerguer e viabilizar o “Carnaval Palmas 2011 - Quero sim, eu vou sim”. E reacender a tradição do carnaval da capital.

Ficou decidido na reunião que o carnaval acontecera em três dias de 5 a 7 de março, na Avenida Teotônio Segurado nas proximidades da Avenida Palmas Brasil.As oito agremiações Eternamente Jovem, Mangueira Palmense, Unidos da Vila União, Mocidade Independente, Unidos dos Girassóis, Beija Flor Palmense, Palmas de Ouro e Império da Liberdade, fará uma junção se transformando numa única agremiação simbolizando a comunidade carnavalesca, o desfile vai ocorrer no segundo dia de carnaval.

As agremiações ainda acreditam na colaboração do prefeito de Palmas, Raul Filho, mesmo que seja apenas uma ajuda de custo, segundo informam. O carnavalescos acreditam que o projeto ofereça não apenas melhorias no aspecto econômico, mas também sócio-cultural das entidades. Todo o processo requer uma industrialização e gera empregos, segundo os carnavalescos, além de incentivo à própria comunidade do bairro envolvida com as escolas de samba.

Para o presidente da escola Grêmio Escola de Samba Unidos dos Girassóis (GRESUG), Rogério Nascimento, em tempos em que o carnaval se transformou numa grande e movimentada indústria, o carnaval de rua torna-se cada vez mais a melhor alternativa para milhares de pessoas. “É realmente uma festa do povo brasileiro”, diz.

Para Nascimento a escola de samba tem como objetivo a preservação e o resgate dos festejos de rua, além de destacar as danças e músicas carnavalescas, “Palmas tem potencial econômico e turístico. Hoje é referência precisa pontuar mais”, destacou Nascimento.

A peregrinação

O grupo começa nesta quarta-feira, 16, a corrida para captar verba, patrocínio e apoio, junto a empresários, vereadores, deputados, senadores, governo estadual e municipal. Na manhã desta quarta-feira, os carnavalescos apresentam o projeto para os deputados estaduais e às 11h, para o secretário da indústria e comercio Ernane Siqueira.

Programação

A abertura do desfile vai ficar por conta dos Blocos carnavalescos Artfolia, Gela Guelas, Segura Avião, Mandruvá, To Dentro, Mahadu, To Atoa, Beber cair e levantar e duas Bandas Locais.

Sábado – 05/03

Abertura Oficial 21hs

Blocos carnavalescos;

02 Bandas Locais

Domingo – 06/03

Desfile das Escolas de Samba - COCAR

Blocos Carnavalescos

02 Bandas Local

Segunda-Feira - 07/03

Blocos Carnavalescos

02 Bandas Local

Obs.: Programação Sujeito a alteração

Fonte: Assessoria d Imprensa GRESUG