Polí­tica

Foto: Clayton Cristus

O deputado estadual Sargento Aragão (PPS) afirmou durante sessão nesta terça-feira, 19, na Assembleia Legislativa do Tocantins, que não aceitará um nome que não esteja na lista tríplice dos procuradores de contas para substituir o conselheiro do Tribunal de Contas de Estado (TCE) José Jamil Fernandes Martins, que se aposentará nesta semana.

A vaga é de livre nomeação do governador Siqueira Campos (PSDB) que já afirmou que os procuradores têm todo direito de disputar o espaço. Porém, o tucano disse que demorará um pouco para definir a indicação.

Aragão afirmou que pretende zelar pelo cumprimento das constituições estadual e federal. “O processo legal é pela lista tríplice, se não for dessa forma, nós não vamos aceitar como foi feito em dezembro de 2002”, disse Aragão, referindo-se à indicação de conselheiros feita por Siqueira Campos (PSDB), homologada pela Casa, quando a indicação deveria partir do legislativo.

Da Redação com informações da Assessoria de Imprensa/Sargento Aragão