Campo

Foto: Antônio Gonçalves

Novidades no setor de hortaliças podem ser conferidas, de 10 a 14 de maio, na vitrine tecnológica da Prefeitura de Palmas, em exposição na Agrotins 2011. A vitrine foi desenvolvida pela Secretaria Municipal da Agricultura e Desenvolvimento Rural (Sagri) em parceria com a empresa Tecnossed, do Rio Grande do Sul.

Dentre as culturas implantadas estão seis híbridos diferentes de alface, formando um mosaico colorido, de acordo com tendências atuais do mercado. Essas espécies valorizam o colorido e a qualidade das hortaliças nas saladas. O destaque da vitrine é o híbrido de alface TE 112, primeira alface crespa crocante do Brasil. Além disso, as cultivares de alface são tropicalizadas, ou seja, desenvolvidas e adaptadas para o clima brasileiro.

A unidade apresentará também as cultivares de repolho Rio Tinto (roxo) e Asteca (verde), couve-flor Saara e Smila, Rúcula Rococó, Almeirão Pão-de-Açúcar Verde, Almeirão Pão-de-Açúcar Vermelho, Chicória Cesena, Pepino Híbrido Monalisa F1 e Abóbora Brasileirinha. Esta última foi desenvolvida pela Embrapa e se caracteriza pela coloração verde e amarela.

Técnicas

A vitrine tecnológica mostrará o cultivo protegido através do uso de “mulching”. O material utilizado nesta prática foi o plástico dupla face (branco e preto). A irrigação utilizada é o gotejamento, com espaçamento entre gotejadores de 30cm. As cucurbitáceas (pepino e abóbora) foram cultivadas utilizando-se espaldeira vertical apara conduzir o tutoramento das plantas. Outra tecnologia disponível para demonstração ao público será o uso de injetor de fertilizantes do tipo Venturi, utilizado na fertirrigação.

A Sagri fará também, demonstração do uso de encanteirador para levantar canteiros e incorporar os adubos e corretivos ao solo. Esta dinâmica de máquinas irá acontecer nos dias 11, 12, 13 e 14 de maio, sempre às 10 horas da manhã na própria unidade.

Parceria

Para esta edição foi firmada cooperação entre a Sagri e a empresa Tecnoseed, de Ijuí-RS. A Tecnoseed forneceu as sementes para a implantação das culturas que serão apresentadas na vitrine.

Fonte: Ascop