Polí­cia

Foto: Divulgação

Após 60 dias de investigação sigilosa e de monitoramento, a equipe de policiais da Delegacia Especializada em Investigações Complexas DEIC – do Grupo de Repressão a Entorpecentes – GRE, tirou de circulação, nessa terça-feira, 21, um dos principais traficantes de drogas da região das Arnos, na área norte de Palmas, que comercializava entorpecentes de forma rotineira e habitual, naquele setor.

Os policiais, coordenados pelo delegado Rossilio Sousa Correia, flagraram o momento exato em que Gênesis Ribeiro da Silva, de 21 anos, fazia uma entrega de 200 gramas de maconha para Kleidson Martins Rocha, de 37 anos.

Kleidson é considerado pela Polícia Civil como agenciador de clientes ou usuários para Genesis. Na hora do flagrante se apresentou como funcionário da Secretária Estadual da Educação.

Imediatamente após a prisão, os policiais foram à residência de Gênesis e depois de uma busca minuciosa no interior da casa, foram apreendidos seis quilos de maconha, um tablete de raxixi – maconha concentrada -, além de uma balança de precisão para pesar as drogas, dinheiro, celulares e uma arma de brinquedo.

A proprietária da residência, onde Genesis guardava as drogas, conhecida por Denia Kessia Alves Guimarães, de 21 anos, também foi presa.

Gênesis e Kleidson foram encaminhados à Casa de Prisão Provisória de Palmas – CPPP e Denia ao Centro de Custódia Feminino. Se forem condenados pelo crime de tráfico de drogas, previsto no artigo 33 e 35 da Lei 11.343/06, as penas somadas podem chegar a 25 anos de reclusão.

Fonte: Assessoria de Imprensa SSJC