Saúde

Foto: Marcos Vinicius

O Comitê de Combate à Dengue se reuniu novamente com seus parceiros na tarde desta terça-feira, 9, na Escola de Tempo Integral Padre Josimo, para frisar a importância da continuidade do trabalho de prevenção, mesmo no período de estiagem.

“Precisamos dar continuidade ao trabalho realizado no período chuvoso, para que a população, mesmo com esse tempo seco, mantenha-se vigilante contra os possíveis criadouros para o mosquito”, ressalta o diretor de vigilância em saúde da Secretaria da Saúde de Palmas (Semus), Cláudio Gilberto Garcia.

Na ocasião, foram apresentados os casos notificados em Palmas que, somente no mês de julho, foram de 863 notificações. Foram apresentados também os dados vetoriais.

Em seguida, a professora Helena M. Feitosa apresentou um projeto que será desenvolvido na ETI Padre Josimo, que tem como objetivo envolver os alunos e também a comunidade junto à escola, para o combate ao mosquito.

“Serão realizadas ações de prevenção tanto dentro da sala de aula como nas quadras vizinhas e, no final do ano, será organizada uma exposição para expor as atividades desenvolvidas”, destaca a professora Helena M. Feitosa.

Grupo de Trabalho

Participaram da reunião de planejamento de estratégias de combate a dengue, a Semus, Secretaria Estadual da Saúde (Sesau), Ministério Público Estadual (MPE), Guarda Metropolitana de Palmas (GMP), Secretaria Municipal de Educação (SEMED) e Conselho Municipal de Saúde (CMS). (Ascom Semus)