Campo

Foto: Lenito Abreu

Cerca de vinte mil bovinos, dos mais 28 mil existentes, já receberam a vacinação contra a febre aftosa na Ilha do Bananal, até o momento. As equipes da Adapec - Agência de Defesa Agropecuária iniciaram a imunização no dia 1º de agosto e devem encerrar no dia 15 de setembro. A campanha na Ilha é realizada em única etapa anual devido às condições climáticas.

O diretor de Defesa, Inspeção e Sanidade Animal da Adapec, Alberto Mendes da Rocha, visitou in loco na última quinta-feira, 01, o retiro Barracão de Telha, localizado dentro da Ilha, para ver o andamento dos trabalhos. “A vacinação está ocorrendo dentro da normalidade e no prazo previsto. A expectativa é alcançar 100% do rebanho”, destacou.

O responsável pelo retiro, Manoel Gomes da Silva, reconheceu a importância da vacinação dos animais para a manutenção do Estado de área livre contra a febre aftosa, com vacinação. “Os benefícios de prevenir os animais contra a enfermidade é de todos nós, por isso agradecemos o apoio, já que estamos localizados em áreas de difícil acesso”, lembrou.

Imunização

A vacinação na Ilha abrange uma área composta pelos municípios de Araguaçu, Formoso do Araguaia, Sandolândia, Pium, Caseara, Cristalândia e Lagoa da Confusão. Durante a campanha, todos os bovinos, indiferente da faixa etária, devem ser imunizados.

O Governo do Estado, por meio da Adapec, disponibilizou gratuitamente as doses da vacina para os animais pertencentes aos indígenas. Ao restante dos produtores (não indígenas) ficou a responsabilidade de adquirem as doses da vacina para a Agência executar os trabalhos.

A comprovação da vacina é feita no ato da aplicação da dose, já que é realizada pelos próprios técnicos da Adapec.

De acordo com os dados da última campanha, realizada na Ilha do Bananal em 2010, foram imunizados 27.187 bovinos, destes 5.787 pertenciam aos indígenas e 21.400 a produtores rurais. (Ascom Adapec)