Polí­tica

Foto: Koró Rocha

Para alguns peemedebistas do Estado o deputado estadual do partido, Sandoval Cardoso adota atualmente um comportamento de aliado do governo estadual só que em entrevista ao Conexão Tocantins nesta quinta-feira,15, o parlamentar frisou que se considera oposição.

“Me considero oposição porque fui eleito nesse grupo e sou da oposição mas eu não torço pelo fracasso do Estado”, salientou. Sandoval disse que está votando os projetos de maneira independente com base nas suas convicções pessoais sobre os assuntos.

Sandoval disse que ainda não conhece o governador Siqueira Campos (PSDB). “Não o conheço mas em breve quero conhecê-lo. Não tenho dificuldade nenhuma de conversar com o atual governo”, frisou.

O parlamentar argumentou que é preciso uma proximidade maior para garantir o desenvolvimento do Estado.

Relação com Kátia

Especulações de bastidores dão conta de que membros do PMDB estadual estão conversando com a senadora Kátia Abreu visando as eleições do próximo ano. Sandoval também admitiu que sempre teve aproximação com a senadora até pelos interesses comuns na área agropecuária.

“Sempre tive aproximação com ela, sou um admirador. Ela defende muito bem a classe produtora. Minha condição política me dá a oportunidade de conversar com todos”, completou.

Sandoval está afastado das atividades do partido atualmente por não concordar com a direção do deputado federal Júnior Coimbra. Ele pretende disputar o comando da legenda.