Palmas

Foto: Antônio Gonçalves

Palmas é a primeira cidade no Brasil a apresentar o Plano de Segurança Viária da “Década Mundial de Ações Para a Segurança do Trânsito – 2011/2020: Juntos Podemos Salvar Milhões de Vidas”. A autoria do projeto envolve a Organização das Nações Unidas e o Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), e na Capital do Tocantins a Prefeitura está à frente, por meio da Secretaria de Segurança, Trânsito e Transportes (SSTT), que abriu na tarde desta quinta-feira, 15, no Auditório do Conselho Regional de Medicina (CRM), a Semana Nacional do Trânsito. A programação é executada em parceria com vários órgãos e instituições até o dia 23.

Entre as iniciativas da Prefeitura para orientar a população e ajudar na diminuição dos acidentes de trânsito com vítimas graves ou fatais, em Palmas, está o lançamento da Campanha Publicitária com foco na educação dos condutores e pedestres. A campanha foi lançada durante a abertura da Semana Nacional do Trânsito, com a apresentação em primeira mão aos convidados dos doze vídeos tapes, sendo seis “pílulas” de 15 segundos para a Campanha Trânsito: Eu Me Comprometo, e seis de 30 segundos com temas relacionados a álcool e direção, cinto de segurança, telefone ao volante, rotatórias, faixa de pedestres e motociclistas. As peças ficarão no ar entre esta sexta-feira, 16, e o dia 30 de setembro.

A cerimônia de abertura da Semana Nacional teve a presença do Ministério da Saúde, Luiz Otávio Maciel, do secretário Municipal de Governo, Pedro Duailibi, representando o prefeito Raul Filho, dos secretários municipais Coronel Benvindo da Segurança, Trânsito e Transportes, Samuel Bonilha da Saúde, Márcia Resende, representando o secretário de Estado da Educação e do Coronel Messias, representando o comandante da Polícia Militar.

Ações de segurança

Em seu discurso o Coronel Benvindo destacou as ações da Prefeitura para melhorar as condições das vias públicas e gerar mais segurança para os condutores e pedestres, e exemplificou a execução do recapeamento de ruas e avenidas, revitalização da sinalização horizontal e vertical, instalação de semáforos, radares e aquisição de carros e motos para a atuação dos agentes de trânsito. “Mas não adianta a gente fazer educação para o trânsito, fiscalizar e investir em estrutura se o condutor e o pedestre não se conscientizarem de que têm que andar de acordo com a lei. Está comprovado que o que mais mata no trânsito é a falha humana”, disse.

Números da Secretaria Municipal de Saúde revelam que entre janeiro e junho de 2011 houve 36 mortes por acidentes nas ruas de Palmas. No mesmo período de 2011 foram 32 óbitos. Os casos têm unido os órgãos ligados ao setor de trânsito em Palmas e a Administração Pública, que busca saber a origem dos problemas e levar a solução. A secretaria Municipal de Saúde tem realizado constantes pesquisas nas Unidades de Pronto Atendimento Norte e Sul, e os números revelam que 85% dos acidentados atendidos são motociclistas.

Em outro questionamento, 28% dos entrevistados nos meses de junho e julho afirmaram ter ingerido bebidas alcoólicas antes de dirigir. As sextas-feiras, os sábados e os domingos são os dias com maior número de ocorrência, chegando a 57% das notificações. O secretário Samuel Bonilha ainda reforçou que “uma pessoa acidentada é um transtorno caro para a saúde pública, para a família e para a sociedade”.

Resultado

Segundo a ONU, cerca de 3500 pessoas morrem por dia no mundo vítimas de acidentes de trânsito. Em Palmas, só no ano passado, foram 4.911 acidentes segundo dados da SSTT, com 310 vítimas graves e 41 mortes. Entretanto, Luiz Otávio Maciel destaca as ações positivas da Prefeitura e parceiros em busca da reversão dos casos. “Os resultados demonstram a capacidade de respostas aos desafios, com intervenções muito bem focadas nos fatores de risco como álcool, velocidade e motociclistas”, argumentou.

A Campanha da Semana Nacional de Trânsito tem ainda outras ações que serão executadas nos próximos dias. Uma delas é o Concurso Eldon Corrêa de Educação Para o Trânsito, que vai possibilitar a participação de estudantes das escolas públicas e particulares a partir da próxima semana. O edital trará como tema A Velocidade Inadequada do Trânsito. Os interessados poderão concorrer com trabalhos voltados para Projeto Escolar, História em Quadrinho, Cordel e Desenho. Inscrições entre 18 de setembro e 10 de outubro.

Outra ideia é o Placar da Vida Eletrônico, inaugurado nesta quinta-feira. O objetivo é manter no Portal www.vidanotransito.com o total de dias sem vítimas fatais oriundas de acidentes de trânsito em Palmas. O placar no ato do lançamento marcava nove dias, tendo vista um registro ocorrido em seis de setembro. (Ascop)