Saúde

Foto: Divulgação

Os beneficiários do FAM (Fundo de Assistência aos Militares), especialmente os policiais e bombeiros militares de Palmas – região central do Tocantins – comemoraram, na manhã desta sexta-feira, 11, a aquisição de uma nova ambulância que vai otimizar os serviços de saúde nessas corporações. Em solenidade realizada nesta manhã, no hall do QCG (Quartel do Comando Geral), na capital, o comandante geral da Polícia Militar, coronel Marielton Francisco dos Santos, entregou, oficialmente, as chaves do veículo ao diretor presidente do FAM, coronel Glauber de Oliveira Santos. O evento contou com a participação de militares do QCG, 1º e 6º Batalhões.

No total, o FAM adquiriu, com recursos próprios (dos contribuintes do Fundo), três ambulâncias semi-UTIs – todas expostas nesta manhã na sede do QCG. Além de Palmas, Araguaína e Gurupi receberão seus veículos, em solenidades que serão realizadas em breve. O veículo de Palmas ficará na sede do FAM, na capital.

Na ocasião, o coronel Marielton ressaltou a gestão transparente do FAM, o que, na sua avaliação, tem gerado resultados muito positivos para os policiais e bombeiros militares no Tocantins. “A aquisição dessas ambulâncias é uma prova dessa gestão. São veículos que vão atender nossos policiais com qualidade e conforto, o militar e toda a sua família”, disse o comandante geral da PMTO, que fez um prognóstico positivo para o setor.

Consideradas Unidades de Apoio Regional (UARs), cada ambulância foi adquirida pelo valor de R$ 112.135,85 (totalizando R$ 336.407,55), segundo o FAM. “A finalidade principal dessas ambulâncias é o apoio regional que elas darão no transporte dos militares nessas três regiões (central, sul e norte), sendo um suporte avançado, um serviço que vai atender os militares e seus dependentes”, disse o presidente do FAM, cel Glauber.

De acordo com a capitão Melissa – enfermeira do Quadro de Saúde da PMTO no QCG -, as ambulâncias representam um grande ganho para a Corporação. “São semi-UTIs que vão possibilitar o atendimento e transporte dos militares de forma segura, eficaz e eficiente”, observou.

Os veículos, segundo a capitão, têm capacidade para os trasportes inter-hospitalar, intermunicipal e interestadual, com capacidade para até dois pacientes, totalmente equipados para emergências – podendo ser, futuramente, revertidos em UTIs. Essas três semi-UTIs vão se juntar a outros sete veículos (de menor porte), totalizando uma frota de 10 ambulâncias.

Um dado relevante, de acordo com o coronel Glauber, é que uma equipe de 24 motoristas fez o Curso de Condutor de Veículo de Ambulância para ajudar no atendimento e transporte dos pacientes. O curso foi realizado em abril deste ano pelo SEST/SENAT, em Palmas.

Durante a solenidade, o coronel Glauber listou algumas conquistas do FAM para a melhoria dos serviços oferecidos aos seus beneficiários, dentre elas os 24 consultórios odontológicos existentes hoje no Estado, 04 clínicas de fisioterapia, o recente superávit de R$ 1,6 milhão nas contas do FAM, que teve aprovado recentemente seu novo Regulamento, além de vários especialistas na área para o atendimento aos militares e suas famílias. Atualmente, são mais de 15 mil beneficiários em todo o Tocantins (8.600 destes atendidos por Plano de Saúde).

Também estiveram presentes na solenidade o chefe e o subchefe do Estado Maior da PMTO, coronel Jefferson Fernandes Gadelha e coronel José Antônio de Souza, respectivamente; os coronéis Messias Lopes da Conceição Júnior (comandante do CPC/Comando do Policiamento da Capital) e Gilberto Nogueira (comandante do CPI/Comando do Policiamento do Interior), entidades representativas dos militares e servidores civis do QCG. (Ascom PM)