Educação

Com o tema “Educação Profissional: Integração, Perspectivas e Desafios”, acontece, nesta segunda-feira, 28, no auditório do Palácio Araguaia, a partir das 19 horas, a abertura do I Seminário Estadual de Educação Profissional. Promovido pela Secretaria Estadual da Educação (Seduc) por meio da Diretoria de Educação Profissional da pasta, em parceria com o Ministério da Educação (MEC), o evento, que se estende até o dia 30 de novembro, promoverá diversas discussões sobre esta modalidade educacional e marcará, também, o lançamento oficial, no Tocantins, do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), que objetiva expandir, interiorizar e democratizar a oferta de cursos técnicos e profissionais de nível médio, e de cursos de Formação Inicial e Continuada, por meio da Bolsa Formação Estudante, para alunos do Ensino Médio Regular e da Educação de Jovens e Adultos (EJA) da rede estadual de educação tocantinense.

No dia da abertura do Seminário, além das apresentações culturais, e do vídeo de contextualização da Educação Profissional do Tocantins, haverá, ainda, a palestra com o tema: “Currículo da Educação Profissional Técnica e de Nível Médio: concepções, objetivos e perspectivas”, ministrada por Nilva Schroeder, representante do MEC na ocasião. Os dois demais dias de atividades do evento contarão com mesas redondas, oficinas com especialistas tocantinenses e de outras regiões do Brasil, inclusive com representantes do Conselho Nacional de Educação (CNE) e da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco). Exceto pela abertura, a programação do evento vai ocorrer no prédio do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac), localizado na quadra 201 Norte, conjunto 3, lotes 3 e 4, em Palmas. A lista completa dos horários de cada atividade pode ser conferida no link I Seminário Estadual de Educação Profissional.

Segundo a Diretora de Educação Profissional da Seduc, Rosana Barreto, o Seminário será uma ótima oportunidade para os educadores e outros profissionais do ramo possam trocar experiências. “Este encontro entre tantos professores, gestores, coordenadores pedagógicos e outros que atuam na Educação Profissional será fundamental para contextualizarmos a realidade deste segmento educacional nas esferas tocantinense e nacional. Um dos tópicos a serem abordados, por exemplo, será a questão da Educação Profissional Integrada, onde, como o nome sugere, integra-se o currículo do Ensino Médio, tradicional ou técnico, ao proposto pelo Ensino Profissionalizante”, elucidou a diretora.

Pronatec no Tocantins

Ainda conforme explica Rosana Barreto, o Pronatec, inicialmente, disponibilizou 1.801 vagas na Formação Inicial Continuada (FIC) para alunos do Ensino Médio Regular e da Educação de Jovens e Adultos (EJA) da rede estadual da Educação do Tocantins. “O começo das atividades do Pronatec aqui no Estado vai se dar a partir da FIC, que dará àqueles com concluírem as 160 a 200 horas/aula de atividades um certificado de qualificação profissionalizante. Somente os estudantes que estiverem devidamente matriculados nos 1º, 2º ou 3º anos do Ensino Médio, contando também os da EJA e dos cursos técnicos, poderão se inscrever, até o próximo dia cinco de dezembro, mesmo dia do início das aulas. Estas inscrições devem acontecer por meio das Diretoria Regionais de Ensino, valendo lembrar que, neste começo de implantação do programa, apenas Araguaina, Gurupi, Palmas, Paraíso e Porto Nacional vão receber as atividades, em unidades do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Tocantins (IFTO), do Senac e do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai).

Para 2012, segundo a própria Diretoria de Educação Profissional, a parceria entre a Seduc e o Governo Federal, a partir do Pronatec, também vai oferecer cursos técnicos concomitantes com o Ensino Médio, garantindo, após a conclusão dos mesmos, um certificado técnico-profissional. Mais informações acerca dos cursos oferecidos pelo FIC pelo e-mail dep@seduc.to.gov.br. (Ascom Seduc)