Estado

Foto: Divulgação

A quinta das oito Unidades Geradoras da Usina Hidrelétrica Estreito (UHE Estreito) entrou em operação comercial após autorização concedida pela Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL). Com a entrada da Unidade 5, a UHE Estreito alcançou nominalmente a energia assegurada de 640 Megawatts (MW). A previsão é de que todas as unidades geradoras estejam em operação comercial ainda em 2012, produzindo 1.087 MW de energia, o suficiente para abastecer uma cidade de quatro milhões de habitantes.

O gerente geral de obras da usina de Estreito, Adalberto Rodrigues, informa que a partir da aprovação da Aneel para a geração de energia elétrica em caráter comercial da 5ª máquina, os trabalhos passam a ser direcionados para a conclusão das 03 unidades geradores restantes, com previsão de conclusão ainda este ano. “Com a entrada em operação da Unidade 05 atingimos nominalmente a energia assegurada da UHE Estreito que é de 640 MW. Estamos em ritmo de obra para concluir a última unidade geradora, ainda este ano”, destaca.

Sala de Controle

Um espaço localizado na estrutura da casa de força, onde estão instaladas as turbinas, e de onde é realizado todo o trabalho de acompanhamento da operação e produção de energia da Usina.

Este centro operacional, administrado pela Tractebel Energia - a empresa responsável pela Operação e Manutenção da Usina de Estreito, funciona 24 horas por dia e conta com profissionais especializados que se revezam em três turnos para que a geração de energia não pare.