Polí­tica

Foto: Divulgação

Mulheres petistas e simpatizantes debateram a participação das mulheres nos espaços de poder durante o Seminário Mais Mulheres na Política, realizado neste domingo, 25, na Câmara Municipal de Palmas. O evento foi organizado pela Secretaria Municipal do PT, em parceria com o Diretório Municipal do Partido.

De acordo com a secretária municipal de Mulheres do PT, Maria Vanir, o objetivo do encontro foi fomentar a participação das mulheres na política tanto no processo eleitoral deste ano, quanto na vida do Partido. “O PT aprovou a paridade de gênero no IV Congresso Nacional do Partido, garantindo que nas direções, comissões e delegação do Partido haja paridade entre mulheres e homens. Mas é preciso fomentar ações transformadoras de novas relações sociais, para que as mulheres tenham mecanismos de participação e estrutura para que elas se consolidem nos espaço de poder”.

Durante o encontro, várias mulheres apresentaram experiências nos espaços de poder e na organização das mulheres no PT e nos movimentos sociais. A representante da Marcha Mundial das Mulheres, Aline Kelly, falou sobre a importância do feminismo na construção do partido dos trabalhadores. “O processo de ser feminista vai da organização individual à organização coletiva. O feminismo é parte fundamental para construirmos o partido que queremos”.

Para a presidenta do Sindicato dos Trabalhadores no Sistema Único de Saúde do Estado de Goiás - SINDSAÚDE, secretária da Central Única de Trabalhadores de Goiás e coordenadora da Tendência Interna do PT Esquerda Popular e Socialista EPS/Mulher, Maria de Fátima Veloso, é responsabilidade do Estado proporcionar estrutura para que as mulheres conquistem os espaços de poder. “A responsabilidade de ser mãe e pai é também da sociedade. Precisamos de estrutura para garantir que essas mulheres consigam se organizar e participar efetivamente, mais creches, mais escolas em tempo integral. As mulheres precisam desse subsídio para buscar o empoderamento, nós não estamos querendo tirar nada dos homens, só queremos ocupar o espaço que também é nosso e que eles ocupam há tantos anos”.

A superintendente regional do Patrimônio da União - SPU, Lucilene de Lira, relatou sua experiência na direção da SPU. “Procuramos trabalhar a política na ponta com o olhar diferenciado principalmente para as mulheres, nós somos capazes de assumir espaços de poder e direção de fazer bem feito e com competência”.

A professora do curso de serviço social da UFT relatou sua experiencia de ser militante no movimento estudantil, ser mãe, estar na universidade, no mestrado, e passar num concurso federal, "hoje com muita garra e determinação conquistei meu sonho de ser professora universitaria"

O deputado estadual Zé Roberto, no ato representado o presidente estadual do PT, Donizeti Nogueira, prestigiou o evento. “A luta das mulheres não é só a luta das mulheres, mas dos homens e de toda militância. O feminismo não está dissociado da luta de classe e nós não podemos separar a luta dos direitos das mulheres das lutas de classe”, destacou

Palestra

A professora do curso de Comunicação Social da Universidade Federal do Tocantins – UFT, Cynthia Mara, apresentou uma palestra sobre “O papel das redes sociais para o fortalecimento de candidaturas femininas nas próximas eleições”. A professora orientou às mulheres quanto à forma correta de usar as redes sociais nas eleições, com base nas leis eleitorais. “A utilização das redes sociais para fazer campanha só está autorizada depois do dia 05 de julho”, orientou.

Pré-candidatas

No encerramento do encontro, cinco mulheres colocaram seus nomes à disposição do Partido como pré-candidatas a vereadora de Palmas, são elas: Julyene Bueno Marinho, Laudiceia Sousa, Luzenir Rocha Soares, Maria Vanir Ilidio e Miraci Mascarenhas.

Participações

O evento contou com a participação da coordenadora do Movimento Brasil sem Pobreza, Maria Eliane Santos, da presidenta do Comitê de Mulheres do Jalapão, Raquel Pinheiro, da pré-candidata a prefeita no município de Sampaio, Coracy Paula de Lopes, e da presidenta da Federação das Associações Comunitárias e de Moradores do Tocantins – FACOMTO, Veneranda Elias, que oficializou sua filiação ao Partido dos Trabalhadores, junto com outras mulheres. “Decidi hoje assinar a minha ficha, depois de vários convites e de tantos anos de militância vou oficializar minha filiação”, confirmou.

Participaram também o representante da CUT - TO Adalto Valentino da Silva, os representantes do Diretório Municipal do PT de Palmas, Milne Freita , Erivelton e Eduardo (Dudu) e o secretário do GIAMA, Neilon Freitas. (Ascom PT)