Educação

Foto: Ascom Seduc

Como forma de divulgar mais o papel do Ministério Público Estadual foi lançado nesta terça-feira, 27, o projeto ‘Conheça o Ministério Público’ para escolas estaduais e municipais de Palmas. A solenidade contou com a presença do secretário da Educação do Tocantins, Danilo de Melo Souza, do secretário da Educação de Palmas, Zenóbio Cruz e de Clenan Renaut de Melo Pereira, procurador-Geral de Justiça, entre outras autoridades.

O projeto é piloto está começando a ser desenvolvido na Capital, e uma das primeiras ações é a visita que os alunos poderão fazer no Ministério Público, mediante agendamento. As visitas serão dirigidas com palestras, oficinas sobre direitos da Criança e do Adolescente, do Consumidor, etc. As escolas que desejam visitar o MPE deverá agendar pelo telefone 3216 – 7638, até o dia 5 de abril. Como segunda ação, a equipe do Ministério também irá visitar as escolas para falar da importância do cidadão consciente dos seus direitos.

A terceira ação do projeto, é o concurso de vídeo de bolso (Pocket Movie), a ser produzido pelos estudantes a partir de câmeras fotográficas e celulares, com no mínimo 1 e no máximo 3 minutos. Além dos estudantes, professores e escolas também serão contemplados com a premiação. O edital do concurso deverá ser lançado no início de abril.

Na ocasião, os alunos marcaram presença com apresentação da fanfarra do Centro de Ensino Médio de Taquaralto, do coral municipal da Escola de Tempo Integral Padre Josimo Tavares e da estudante Walia Santos, que recitou a poesia ‘A Procura’ de Cora Coralina.

Para o secretário Danilo, é muito importante essa parceria com o Ministério Público porque é um processo decisivo na formação da cidadania, com espaços para discutir os direitos e deveres.

O procurador Clenan descreveu o projeto como uma ponte entre a instituição e as escolas, entre alunos e professores e os procuradores. “Que está semente floresça e dê frutos. Que o Ministério Público seja a casa de todos”. Ele também explicou o trabalho dos setores específicos do MPE como a coordenação do Meio Ambiente, da Criança e do Adolescente, etc e o trabalho dos Conselhos Tutelares. (Ascom Seduc)