Polí­tica

Foto: Clayton Cristus

Seis projetos de lei foram encaminhados para a Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJ), na sessão matutina desta quarta-feira, dia 28. Entre as matérias, a da parlamentar Luana Ribeiro (PR) solicita o uso obrigatório de equipamentos economizadores de água nas instalações hidráulicas e sanitárias de prédios públicos e privados em todo o Estado.

A proposta é de que os equipamentos destinados ao uso racional de água sejam instalados em estabelecimentos comerciais, escolas, hospitais, indústrias, escritórios, bares e restaurantes. “É nosso dever incentivar o uso racional, o combate ao desperdício e promover uma nova consciência quanto à importância dos recursos hídricos para a sociedade”, argumentou Luana Ribeiro.

Outras matérias de autoria dos deputados Manoel Queiroz (PPS), Solange Duailibe (PT), Vilmar do Detran (PMDB) e Wanderlei Barbosa (PSB) também foram enviadas para a CCJ. Solange propõe que o Poder Público institua o mês “Agosto Azul”, destinado à realização de campanhas de esclarecimentos,exames de cardiologia, urologia, gastroenterologia e pneumologia, além de ações educativas voltadas para a preservação da Saúde do Homem.

Já o deputado Manoel Queiroz solicita a realização, nas escolas estaduais, de testes vocacionais para alunos do ensino médio. O objetivo é orientar esses estudantes quanto à escolha de suas profissões.

Os demais projetos, de autoria dos parlamentares Vilmar do Detran, Luana Ribeiro e Wanderlei Barbosa, respectivamente, requerem que seja declarada de Utilidade Pública a Associação Clube das Mães Frutas da Terra, em Colméia, a Associação Comunitária do Jardim Aureny I (AJA) em Palmas, e o Instituto Professora Maria Rosa Vivendo o Sobrenatural de Deus na Capital. (Dicom AL)