Estado

Foto: Divulgação

Em nota encaminhada na manhã desta segunda-feira, 4, a ex-presidente do Instituto Pioneiros Mirins, Simone Sandri, confirmou que deixou a entidade para concorrer à Prefeitura da cidade de Pedro Afonso nas eleições de 2012. No documento encaminhado pela gestora da entidade, Simone ainda faz um balanço das atividades desenvolvidas em cerca de um ano à frente da instituição que recentemente foi anexada à Secretaria do Trabalho e Assistência Social.

De acordo com a ex-presidente do Pioneiros Mirins, a principal dificuldade encontrada foi a reconstrução da identidade social do programa por conta das grandes dificuldades financeiras deixadas, segundo ela, pela gestão anterior. “compromissos assumidos que tivemos de reconhecer dívidas e efetuar o pagamento das mesmas para que o Estado não ficasse no descrédito”, salientou na nota.

Simone ainda frisou que as ações tomadas neste primeiro ano de gestão do programa foram em torno da legalização e retomada das ações deixadas pela gestão estadual anterior. Foi feito, segundo a agora pré-candidata è Prefeitura de Pedro Afonso, um recadastramento das mais de 42 mil famílias inscritas no Pioneiros Mirins. Após a recontagem de inscritos no programa, a meta foi entregar as bicicletas que foram tema de polêmicas durante a campanha eleitoral de 2010. “Após proceder à contagem de 16.233 bicicletas e submeter o respectivo processo à Controladoria Geral e ao Tribunal de Contas do Estado e, obtendo os pareceres dos insignes citados Órgãos, fizemos a devida doação e entrega de 12.452 do total acima descrito”.

Além disso, conforme a nota enviada pela ex-presidente, o programa ainda firmou diversas parcerias no intuito de adquirir maiores verbas para suas ações. De acordo com Simone Sandri, foram parcerias firmadas com o Governo Federal, através da bancada do Tocantins no Congresso; com o Sistema S, através do Senac para efetivar cursos profissionalizantes; além da adesão a programas institucionais como o Um Computador por Aluno e o Pronatec.