Polí­cia

A Secretaria Estadual da Justiça e dos Direitos Humanos - Sejudh comemora, após balanço realizado pela Superintendência do Sistema Penitenciário e Prisional, o retorno dos 49 reeducandos, da comarca de Palmas, liberados para a Saída Temporária de Páscoa.

Beneficiados por possuírem bom comportamento carcerário e por terem cumprido mais de um sexto da pena, 34 presos da Unidade de Regime Semiaberto – URSA, 07 presos da Casa de Prisão Provisória de Palmas - CPPPe 08 reeducandas da Unidade Prisional Feminina – UPF retornaram, na data prevista pelo juiz de Execução Penal, às unidades prisionais após passarem o feriado com seus parentes e familiares.

Segundo o superintendente do Sistema Penitenciário e Prisional da Sejudh, Walderi Francisco de Carvalho Oliveira, o resultado é positivo. “Os reeducandos foram orientados sobre a conduta a ser seguida durante o período da saída temporária. Todos saíram esclarecidos sobre uma possível regressão de pena, caso não retornassem na data estabelecida”, frisou Oliveira.

Para Doracy Costa Santos, recolhida na Unidade Prisional Feminina de Palmas e beneficiada pela primeira vez com a saída temporária foi gratificante passar a Páscoa com a família. “Fiquei muito feliz. Há dois anos não encontrava com meus pais e minha filha de 12 anos que moram em Brasília. Quero cumprir minha pena e sair da prisão sem dever nada à sociedade, por isso fiquei preocupada em retornar no prazo fixado pelo Juiz e cumprir o restante da minha pena”, destacou Doracy.

Os presos liberados nas unidades de Dianópolis, Cariri e Porto Nacional tem retorno determinado para as 18h desta quarta-feira, 11. Já as unidades prisionais de Araguaína, Gurupi e Paraíso não tiveram presos liberados para saída temporária.(Ascom Sejudh)