Estado

Foto: Divulgação Empresários e membros da comitiva tocantinense após primeiro encontro antes da chegada do governador Siqueira Campos Empresários e membros da comitiva tocantinense após primeiro encontro antes da chegada do governador Siqueira Campos

Visto como opção de desenvolvimento fora do eixo Rio-São Paulo, o Tocantins desperta em empresários espanhois o interesse em amplo leque de possibilidade de investimentos. Articulados e já com estreitos laços com o Governo do Estado, alguns empreendedores aguardam a chegada do governador Siqueira Campos (PSDB) nesta semana para concretizar acordos e firmar convênios que visam obter recursos e propiciar melhoria da condição de vida dos moradores do Estado.

As áreas de interesse de negócios entre Espanha e Tocantins se concentram na agricultura, indústria, comércio, infraestrutura, logística e cultura. “Firmar convênio com o Tocantins será a primeira pedra de um futuro edifício a ser construído. Queremos levar nossa experiência ao Tocantins, um novo mercado e com rico potencial de crescimento a ser explorado”, disse o diretor de produção da Tragsa, Mariano Teruel.Com mais de35 anos de experiência e atuação em mais de 15 países nas áreas agrícola (como, por exemplo, criação de gado, piscicultura e desenvolvimento agrícola), além de atividades voltadas à proteção e conservação da natureza, a empresa busca firmar com o Tocantins projetos nas áreas de irrigação e rastreabilidade bovina (Espanha tem o melhor sistema de rastreabilidade bovina do mundo).

Mariano Teruel e outros três importantes membros de empresas espanholas receberam nesta quarta-feira, 16, em Madri, o secretário do Meio Ambiente e do Desenvolvimento Sustentável do Tocantins, Divaldo Rezende, e a diretora técnica do Sebrae, Maria Emília Jaber, que integram a comitiva liderada por Siqueira Campos. No encontro foram discutidos detalhes dos acordos que serãofirmados e a série de encontros e reuniões de trabalho da comitiva tocantinense. Na oportunidade, Divaldo Rezende aproveitou para destacar aos empresários os objetivos da missão, os potenciais do Estado aos empreendedores, que demonstraram interesse em investir no Tocantins.

Para o diretor geral da Associação de Empresas Restauradoras de Paisagens e de Meio Ambiente, a Arsepyma (sigla em espanhol), Francisco Berroya Chaves, há enorme expectativa do empresariado em trabalhar noTocantins. “Queremos fazer parcerias com empresários do Tocantins e troca de experiências nas áreas de meio ambiente e infraestrutura, principalmente”, ressaltou.

O dirigente da Matinsa, do Grupo FCC (segunda maior construtora do país), Fernando Henriques, afirma ver o Tocantins como um leque imenso de possibilidades. “Há possibilidade de negócios voltados à ferrovia, rodovias, hidrovias, além do meio ambiente e comércio em geral.” Na sua opinião, a presença do governador Siqueira Campos na Espanha neste momento é fundamental para o Estado. “É o momento de, após iniciadas as conversações, tratar mais diretamente dos assuntos. E, com a credibilidade que o governador dispõe junto ao empresariado e organismos internacionais, quem está do outro lado da mesa de negociação tem confiança maior em aprofundar nas tratativas”, complementou.

Já Ramon de Arana, que também integra a direção da Tragsa, fez questão de citar o Tocantins como um “mundo novo de oportunidade” para a Espanha. “A Espanha vê no Tocantins um local propício para investimentos. A comitiva do Estado aqui, liderada pelo governador Siqueira Campos, terá a oportunidade de apresentar aos demais empresários seus potenciais para que, em breve, ocorra a troca de experiência e os investimentos”, declarou.

Comitiva

A missão tocantinense na Espanha é resultado do trabalho iniciado em 2011 pelo governador Siqueira Campos,que pretende estreitar os laços comerciais e culturais com o país. Desde então, Divaldo Rezende – juntamente com os secretários Jaime Café (Agricultura) e Kátia Rocha (Cultura) -manteve contatos, que já resultaram em troca de experiências entre autoridades tocantinenses e empresários espanhóis.

No ano passado, um grupo da Espanha esteve no Tocantins para conhecer trabalhos nas áreas de agricultura, infraestrutura, comércio e cultura, entre outras. E, neste ano, autoridades tocantinenses estiveram na Espanha para conhecer projetos e ações. Já como resultado dessa relação, há uma semana, empresários espanhois estiveram novamente no Tocantins em busca de conhecimento do potencial produtivo do Estado, inclusive participando da Agrotins. Esses e outros empresários irão, desta vez, recepcionar o governador Siqueira Campos e demais autoridades. “Trata-se de um esforço conjunto dos secretários do Estado, sob a liderança do governador e com participação ativa do secretário das Relações Institucionais [Eduardo Siqueira Campos], que tem o objetivo de lutar pela atração de investidores,implementação de tecnologia e inovação, que resultam na geração de emprego, renda e oportunidade a todas as pessoas”, finalizou Divaldo Rezende. (Secom)