Polí­tica

Foto: Divulgação

No município de Miracema o lançamento da pré-candidatura do ex-vice-governador e ex-secretário de Saúde, Raimundo Boi pode resultar num possível racha político entre PR e governistas na cidade. Segundo informou o PSDB Boi foi oficializado na última semana como nome do partido para disputar o pleito de outubro durante evento na residência do atual prefeito da cidade, Júnior Evangelista, que é do mesmo partido.

A cúpula do PR na cidade se movimenta com apoio do senador João Ribeiro, que preside a legenda no Estado. Segundo informou um dos líderes do partido e ex-prefeito da cidade, Rainel Barbosa ao Conexão Tocantins o PR na cidade já definiu pelo nome de Magda Borba, sua esposa. Magda disputava a preferência do partido com o Soldado Araújo.

“O partido já definiu o nome de Magda Borba. Houve um acordo de que a candidatura que tivesse melhor seria o candidato a prefeito e a Magda foi a melhor colocada nas pesquisas”, frisou Rainel. A convenção do partido está marcada para dia 13 de junho.

O PR tem apoio declarado na cidade do PTN, PTC, PMN e PDT. A intenção do partido é lançar candidatura própria mas segundo Rainel, Magda Borba depois de se reunir com pré-candidatos a vereador na cidade pretende dialogar com todas as legendassem exceção de nenhuma. “Nós vemos a candidatura do Raimundo Boi com muita tranquilidade mas estamos correndo por fora afinal não podemos falar que temos o apoio do governo”, frisou.

Segundo informou o PSDBos pré-candidatos Neirisvan Gomes, Maria Bala e Ronaldo Nolêto desistiram para apoiar o nome de Raimundo Boi.O secretário geral do PSDB no Tocantins e de Trabalho e Ação Social do Estado Agimiro Costa participou também do evento.

PR e PSDB podem afulinar as pretensões mas não está descartado um racha político entre as duas forças partidárias. Raimundo Boi deixou o governo no início deste ano após denúncias de nepotismo na pasta da saúde.