Estado

Todas as Comarcas de 1º Entrância, além do Tribunal de Justiça do Estado do Tocantins (TJTO) e Comarca de Palmas já operam o Sistema de Virtualização de Processos, e-proc TJ/TO (Convênio com TRF4).

Fechando o cronograma de implantação nas Comarcas de 2ª Entrância, o TJTO, por meio da Escola Superior da Magistratura Tocantinense (Esmat) e da Diretoria de Tecnologia da Informação (DTInf), capacitou, nesta última segunda-feira, 21, magistrados e servidores das Comarcas de Augustinópolis, Itaguatins, Ananás e Xambioá. O treinamento ocorre nas dependências da Esmat, em Palmas. Após estas últimas cidades o Poder Judiciário terá 65% de suas Comarcas, trabalhando com processos virtuais.

O curso de aperfeiçoamento obedece ao cronograma de implantação do e-Proc TJ/TO, definido pela DTInf. Durante a capacitação, magistrados e servidores recebem aulas laboratoriais, em contato direto com o novo sistema, sendo orientados pelos servidores de suporte da diretoria. Além disso, todos devem receber a Certificação Digital, que permite a assinatura digital dos documentos e processos.

A implantação do novo sistema nas unidades de Augustinópolis, Itaguatins, Ananás e Xambioá, marcadas para iniciarem nesta próxima segunda-feira (28/05), correspondem à etapa final de instalação nas Comarcas de 2ª Entrância.

Comarcas de 3ª Entrância

As Comarcas de 3ª Entrância devem receber o novo sistema a partir do dia 11 de junho, mas os magistrados e servidores recebem a capacitação antecipadamente, sete dias antes. A implantação começará nas Comarcas de Arraiais, Taguatinga e Dianópolis.