Campo

Foto: Divulgação

Em função do clima atípico que causou excesso de chuvas na região das Várzeas Tropicais, dificultando o preparo do solo para o plantio de soja, a Agência de Defesa Agropecuária (Adapec) prorrogou a Janela do Plantio, que antecede o Vazio Sanitário, para 10 de junho, conforme Portaria nº 206, publicada no Diário Oficial do Estado, da última sexta-feira, 31. Consequentemente, o prazo para colheita, que seria 30 de setembro, passa para 10 de outubro.

O pedido para extensão do prazo partiu da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado do Tocantins (Faet) e das cooperativas Cooperformoso, Coperjava, Copergran, Distrito de Irrigação do Rio Formoso (DIR), Aprosel e Sindicato Rural de Formoso do Araguaia. As instituições alegaram dificuldades no plantio devido o excesso de umidade nas áreas baixas do Projeto Rio Formoso, que impossibilitou a drenagem das águas.

De acordo com o presidente da Adapec, Marcelo Aguiar Inocente, os sojicultores do Estado são considerados profissionais na produção da oleaginosa, e a dilação do prazo evitará prejuízos e assegurará a produção. “Sabemos da importância econômica da cultura para o Estado e entendemos que é preciso adequar as normas em sintonia com a prevenção da Ferrugem Asiática”, diz.

No Tocantins, só é permitido o plantio da soja, durante a entressafra, na região das Várzeas Tropicais,onde foi comprovada cientificamente que não há proliferação da Ferrugem Asiática, principal praga que acomete cultura. Normalmente, o período do plantio ocorre entre os dias 1º e 31 de maio, contemplando os municípios de Dueré, Formoso do Araguaia e Lagoa da Confusão.

No ano passado, nas Várzeas Tropicias, durante a safra, foram plantados 37.620,16 hectares, nos municípios de Pium, Lagoa da Confusão e Formoso do Araguaia. Para 2012, a previsão do plantio é de aproximadamente 32 mil hectares, pois parte da área foi destinada a produção do feijão caupi.Vale lembrar, que no restante do Estado continua proibido o cultivo de soja durante a entressafra. O produtor que descumprir estará sujeito à multa.

Vazio Sanitário

É o período de entressafra, que objetiva quebrar o ciclo de infestação da Ferrugem da Soja, principal praga da cultura. Neste período fica proibido o plantio do grão, entre julho e setembro, com exceção dos casos específicos, como nas Várzeas Tropicais do Tocantins, onde a produçãoé destinada à pesquisa científica e de produção desementes. (Ascom Adapec)