Polí­tica

Foto: Divulgação

O candidato a prefeito de Palmas, Marcelo Lelis (PV), reuniu milhares de pessoas durante Grande Reunião da Coligação É a Vez do Povo, na noite desta última segunda-feira, 17, no setor Santa Fé.

Ao lado de lideranças comunitárias, políticas e de vários candidatos a vereador, Marcelo Lelis agradeceu o apoio recebido das famílias do setor e garantiu que Palmas vai ter o respeito que precisa e merece durante a sua gestão. “Nossa cidade está abandonada há quase oito anos e nosso povo sofrendo com o descaso da atual administração municipal. Mas peço a todos que confiem no nosso projeto de gestão, porque não irei decepcionar nenhum de vocês, que como eu, ama esta cidade que escolheu para viver e criar seus filhos e netos”, disse Marcelo, relembrando os mais de 20 anos que trabalha para construir uma Palmas com mais oportunidade e desenvolvimento para todos.

“Não podemos deixar que Palmas seja invadida por quem a gente não conhece e que nunca esteve na nossa comunidade antes da eleição. Precisamos colocar na prefeitura uma pessoa que a gente possa confiar e que já demonstrou compromisso com a cidade. Minha família merece respeito”. Essa declaração é da dona-de-casa Fátima Oliveira, moradora de Palmas há mais de 17 anos e do setor Santa Fé há oito anos.

Administração Regional Sul

Marcelo Lelis reafirmou a implantação, logo no início de sua gestão, da Administração Regional Sul, que vai poder atender as demandas da região com mais agilidade e eficiência.

Entre os compromissos com as famílias do Santa Fé, Marcelo Lelis destacou a construção de esgotamento sanitário, que é uma das grandes reclamações dos moradores; escolher uma área para construção de uma quadra de esportes coberta e academia ao ar livre; ampliar a creche, que atende crianças de todos os setores do Santa Fé; garantir maior segurança aos moradores e aos comerciantes, criando uma base comunitária e os serviços de monitoramento; implantar ações de combate às drogas e o programa Amigos do Meio Ambiente (AMA); garantir cursos de capacitação para jovens e adultos; construção de espaço para inclusão digital e  incentivar as hortas comunitárias. (Assessoria de Imprensa)