Saúde

Foto: Divulgação
 

A família de Paulo Henrique Milhomem da Silva de 13 anos de idade pede apoio para quem puder colaborar, pois estão precisando de recursos para custear uma cirurgia que seu filho necessita fazer.

Paulo Henrique é portador de Ceratocone, uma doença não-inflamatória progressiva do olho na qual mudanças estruturais na córnea (que alteram sua biomecânica - resistência e elasticidade) a tornam mais fina e modificam sua curvatura normal (praticamente esférica) para um formato mais cônico. Este fenômeno de protrusão da área corneana afinada é chamado de ectasia (distensão) corneana.

A principal consequência do Ceratocone é a diminuição da acuidade visual (visão) proveniente do astigmatismo irregular (distorção da imagem causada pela alteração da curvatura normal da córnea).

O pai de Paulo Henrique, Israel Lucena da Silva e a madrasta, Edilene Arantes do Nascimento, afirmam que a cirurgia deve custar R$ 2.500,00 e só poderá ser feita fora do Tocantins, pois não existem recursos adequados no Estado.

A família afirma ainda que a criança é diagnosticada com a doença a mais de um mês, e a cerca de 2 semanas já havia feito a mesma cirurgia em um dos olhos, mas como a doença atinge as duas córneas é necessária uma intervenção no olho ainda não cirurgiado.  

Um dos maiores sonhos de Paulo Henrique é ser jogador de futebol, como grande parte das crianças brasileiras ele alimenta este sonho que só poderá ser possível com a colaboração das pessoas que se sentirem aptas a colaborar, por este motivo a família está realizando uma rifa no valor de R$ 5,00 para que o montante necessário possa ser arrecadado com extrema urgência.

Quem quiser colaborar poderá ligar para 9986-5110 ou 9976-0170 fazer o pedido da  rifa e concorrer a prêmios como: caixas de cerveja, 1 celular, kit de beleza, entre outras premiações.