Polí­tica

Foto: Divulgação

O senador João Costa (PPL-TO) participou nesta quinta-feira, 22, da Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH) para debater projetos de lei em tramitação nas duas Casas do Congresso Nacional que abrem brechas para a flexibilização da legislação trabalhista.

A audiência foi solicitada por centrais sindicais e confederações de trabalhadores, preocupadas com as consequências negativas que a aprovação desses projetos poderá ter sobre os direitos do trabalhador.

“O nosso Brasil precisa crescer e desenvolver, mas deve respeitar o direito dos trabalhadores. Não vamos crescer de forma organizada subtraindo daqueles que levam o País pra frente. Precisamos diminuir a distância entre os mais pobres e o mais ricos, o que não admito são os pobres continuarem pobres. Contem comigo para defender o direito dos trabalhadores”, afirmou o senador.

Foram convidados para o debate o ex-procurador-geral do Ministério Público do Trabalho, João Pedro Ferraz dos Passos, o membro do Fórum Sindical dos Trabalhadores, Lourenço Ferreira Prado, o presidente - Central Geral dos Trabalhadores do Brasil, Ubiraci Dantas de Oliveira, o presidente - Sindicato Nacional dos Auditores Fiscais do Trabalho - SINAIT, Rosângela Silva Rassy, o ex-presidente da ANAMATRA, Grijalbo Fernandes Coutinho, o advogado trabalhista, Vivaldo Vieira Barbosa, entre outros.

Na oportunidade, o senador recebeu na comissão 40 alunos da escola Centro de Ensino Fundamental nº 09 de Taguatinga (DF) para conhecer a estrutura do poder público brasileiro. O senador conta que cursou nesta escola o 1º ano do ensino fundamental em 1975 e aproveitou para levá-los no plenário e ensiná-los sobre as funções legislativas. (Agência Senado)