Polí­tica

Foto: Divulgação Júnior Coimbra recuperou o comando do PMDB no Estado Júnior Coimbra recuperou o comando do PMDB no Estado

Após o Conexão Tocantins publicar nesta quinta-feira, 29, que a dívida do PMDB estadual é de mais de R$ 330 mil o deputado federal Júnior Coimbra, que recuperou o comando da legenda no Estado, informou que está fazendo um levantamento sobre a origem da dívida. Coimbra nega que as dívidas tenham sido feitas na sua gestão à frente do partido. O deputado federal retomou o comando da legenda após liminar concedida pelo Tribunal de Justiça e vai reunir o diretório para tratar de assuntos da legenda.

Sobre a dívida, o levantamento foi feito a pedido do ex-governador Marcelo Miranda. No exercício de 2012, até a data da suspensão dos repasses do Fundo Partidário, junho/2012, teriam sido repassados ao Diretório Regional, recursos no valor de R$ 267.160,88, que somado aos repasses do exercício anterior, totaliza a importância de R$ 849.992,20.

Somente de notificações da Justiça Eleitoral que se referem à irregularidades constantes em Prestações de Contas de exercício anteriores, o partido teria uma dívida de R$ 139.601,22. Na gestão de Coimbra não teriam sido tomadas medidas para pagar a divida o que motivou a suspensão do fundo. No levantamento constam cheques sem fundo , despesas de mais de R$ 8 mil com restaurante dentre outros itens.

O deputado federal argumenta ainda que a dívida teria sido contraída na gestão do ex-presidente Osvaldo Reis e também pelo ex-governador Marcelo Miranda.

Marcelo negou ao Conexão Tocantins que tenha contribuído para a dívida e disse que não tem nada a ver com os débitos. “O Osvaldo Reis deixou mais de R$ 80 mil em caixa”, defendeu.

O ex-presidente Osvaldo Reis também negou ter feito a dívida. “Primeiro, ele é um mentiroso. Eu quero que ele fale isso pra mim que eu vou processá-lo”, disse Reis, que citou dívida trabalhista que segundo ele foi a única que teria ficado da sua gestão para ser negociada.

O ex-presidente disse que deixou mais de R$ 100 mil em caixa. “O homem tem que ter palavra e vergonha na cara”, salientou. Reis questionou ainda a destinação de mais de R$ 800 mil que teriam entrado no partido na época de Coimbra.

Veja a íntegra das dívidas do partido:


RELAÇÃO DAS DÍVIDAS DO PMDB DO ESTADO DO TOCANTINS

FORNECEDORES

VALOR

VENCIMENTO

1

ACERTO COM FUNCIONÁRIOS

Admitidos Somente em 03/2012

2

PROTESTOS

3

AÇÃO TRABALHISTA

25.000,00

Acordo -12/2011,01,02,04e 05/12

4

MAT. CONSTRUÇÃO ALVORADA CENTER

520,09

11/09/2010

5

PAPELARIA CENTRO OESTE

1.198,90

02/10/2010

6

POSTO PRATA

5.500,00

jan/10

7

LOCADORA UNIDAS

53.933,00

2ª Execução

8

LOCADORA LOCALIZA

8.434,23

20/07/2011

9

TOCANTINS LOCADORA

12.173,00

jan/10

10

PAPELARIA COP ART

3.078,25

02/04/2012

11

RECICLE CARTUCHOS

2.064,60

30/05/2012

12

LUIZ ALBERTO

18.503,41

01/03/2012 - Propagandas

13

LUCIANO COELHO - CHEQUE SEM FUNDO

7.350,00

01/06/2012 - Filmagens

14

LUCIANO COELHO

6.350,00

01/06/2012 - Filmagens

15

DISTRIBUIDOR DE AGUA MINERAL

256,00

09/05/2012

16

RESTAURANTE JACINTA

1.452,20

02/07/2012

17

RESTAURANTE ZEZINHO

8.205,00

jul/12

18

EUROSEC  ALARMES

2.328,16

12/07/2012

19

TELEFONIA GVT

1.622,32

28/11/2011

20

GRAFICA PRIMAVERA

4.600,00

17/04/2012

21

HOTEL ARCO ÍRIS

5.600,00

Convenção - 2010

22

CHEQUES SEM FUNDOS

320,00

Fabiano - (07/2012}

23

CHEQUES SEM FUNDOS

1.500,00

Fabiano - (07/2012)

24

Amazzonia  Contabeis LTDA–ME

17.250,00

set/12

25

Amazzonia  Contabeis LTDA–ME

2.250,00

mai/12

26

TRE - OFÍCIO 358/2012

3.186,15

Irregularidades em Prestações de Contas

27

TRE - NOTIFICAÇÃ0 016/2012

65.806,70

Irregularidades em Prestações de Contas

28

TRE - NOTIFICAÇÃ0 016/2012

10.862,86

Irregularidades em Prestações de Contas

29

TRE - NOTIFICAÇÃ0 017/2012

21.744,32

Irregularidades em Prestações de Contas

30

TRE - NOTIFICAÇÃO 017/2012

11.687,67

Irregularidades em Prestações de Contas

31

TRE - NOTIFICAÇÃO 017/2012

26.313,52

Irregularidades em Prestações de Contas

32

PATRIMONIAL - ALARMES

1.346,00

12/01/ A 12/06/2012