Campo

Foto: Lia Mara Diretor de Irrigação e Drenagem da Seagro, Diego Cavalcante Diretor de Irrigação e Drenagem da Seagro, Diego Cavalcante

As propostas de concorrência à CDRU - Concessão de Direito Real de Uso ao Projeto de Irrigação Gurita devem ser entregues até o próximo dia 18 de dezembro, às 14h, na sala de reuniões da Superintendência de Licitações da Seplan – Secretaria Estadual do Planejamento e Modernização da Gestão Pública. É o que informa a Seagro – Secretaria Estadual da Agricultura, da Pecuária e do Desenvolvimento Agrário. 

A empresa ou cooperativa agrícola que vencer a licitação pública poderá explorar a área durante 20 anos. Para isso, precisa apresentar um plano de exploração da área, onde se comprometa a manter a infraestrutura existente em bom estado de conservação e investir em infraestrutura própria. Também será indicado pela vencedora do processo qual cultura será cultivada no local. O edital de concorrência 006/2012, com mais detalhes do processo, está disponível no site http://www.sgl.to.gov.br.

As obras do Projeto Gurita, localizado no município de Itapiratins, foram iniciadas em 2004 e concluídas em 2008, com financiamento estadual e do Ministério da Integração Nacional. No entanto, somente o Governo atual conseguiu colocar em execução. A infraestrutura de irrigação de uso comum será gratuita em uma área de 203,8490 hectares, composta por 11 lotes para o cultivo de agricultura irrigada e 427 hectares para o cultivo de sequeiro (sem irrigação). A fonte hídrica do projeto é o Rio Tocantins, de onde a água é captada e levada até os lotes.

Segundo o diretor de Irrigação e Drenagem da Seagro, Diego Cavalcante Fernandes, a região Nordeste do Estado já vem se desenvolvendo ao longo do tempo, com o plantio de grãos como a soja e cereais. Além disso, o Estado vem desenvolvendo trabalho com polos regionais de fruticultura. “O Projeto Gurita é mais uma forma de incentivar a irrigação para aumento de produtividade e, consequentemente gerar emprego e renda para a região”, afirma.