Estado

Foto: Divulgação

O prefeito de Almas, Leonardo Cintra (PSDB) e o prefeito de Porto Nacional, Otoniel Andrade (PSDB), ambos da base aliada do governador Siqueira Campos (PSDB), são os candidatos a disputar a presidência da Associação Tocantinense de Municípios (ATM), para o biênio 2013-2014. Os respectivos gestores municipais protocolaram na tarde desta terça-feira, 15, na sede administrativa da entidade, o registro de candidatura das chapas que disputarão os cargos de diretoria, conselho deliberativo e conselho fiscal da instituição. 

Sob a supervisão de uma comissão eleitoral, instituída pelo presidente da ATM, o ex-prefeito de Tocantínia, Manoel Silvino (PR), Otoniel foi o primeiro a protocolar o registro de candidatura de sua chapa. O prefeito de Porto Nacional disse que ainda tentará buscar uma concordância entre os gestores municipais. “Nossa conduta continua sendo a de buscar um consenso junto aos prefeitos filiados a ATM, mesmo com as chapas já registradas. Daqui pra frente é buscar dialogar com esses gestores para que possamos caminhar nesse sentido”, afirmou. O mandatário salientou, ainda, que pretende em sua gestão aumentar a representatividade da Associação junto aos prefeitos, além de buscar a filiação dos municípios que ainda não são associados.

Logo em seguida, o prefeito de Almas, Leonardo Cintra (PSDB), protocolou sua candidatura. Acompanhado de assessores, o gestor afirmou que já havia dialogado anteriormente com vários prefeitos em visita aos municípios tocantinenses.  Cintra disse ainda que pretende, nos próximos dias, buscar novos parceiros para apoiar sua candidatura. “Precisamos idealizar na ATM uma administração com consenso, de forma compartilhada. Com isso, poderemos conhecer a realidade enfrentada por cada município e, com isso, oferecer o suporte necessário aos prefeitos”, disse o candidato. Leonardo Cintra planeja ainda observar a atuação de outras entidades municipalistas e buscar inovações para a ATM.

Processo eleitoral

Representantes dos 92 municípios filiados a Associação Tocantinense de Municípios, e que estejam em conformidade com as obrigações financeiras e legais previstas no Estatuto da ATM, poderão votar nas respectivas chapas que disputam os cargos de diretoria, conselho deliberativo e conselho fiscal, além de cargos de suplentes. A eleição da nova gestão da ATM será realizada no dia 31 de janeiro de 2013, na sede administrativa da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), seccional Tocantins, das 08h às 17h.

O próximo presidente da entidade municipalista terá um tempo de mandato de dois anos, sendo permito a reeleição ao mesmo cargo por uma única vez.

Comissão Eleitoral

O presidente da ATM, Manoel Silvino, expediu a portaria 001/2013 que instituiu a Comissão Eleitoral, com a competência de dirigir os procedimentos eleitorais. O grupo é formado pelos ex-prefeitos AntônioLuiz Bandeira Junior (Lajeado), João Paulo Ribeiro Filho (Araguacema) e João Luiz Cerqueira Costa (Jaú do Tocantins). (Ascom ATM)