Polí­cia

A Polícia Militar em parceria com demais órgãos de segurança pública do estado garantiram um dos carnavais mais seguros já realizados no Tocantins. Foi o que afirmou o Chefe do Estado Maior da PMTO – coronel Gilberto Nogueira da Costa, em entrevista coletiva realizada na tarde desta quarta-feira, 13, no Quartel do Comando Geral da PM em Palmas.

O Balanço da Operação “Carnaval seguro 2013”, realizada entre os dias 08 e 12 de fevereiro, foi considerado  positivo pelo Comando da PM. Nesse período foram realizadas 12.434 abordagens a veículos e 14.945 abordagens a pessoas, o que resultou na aplicação de 341 infrações de trânsito e apreensão de 04 armas de fogos e 13 armas brancas, além de 03 apreensões de drogas e entorpecentes.

Não foram registradas ocorrências de grande vulto, especialmente nos locais onde houve concentração de pessoas em virtude das festividades de carnaval. Apenas 01 (um) homicídio foi registrado no município de Lagoa da Confusão. 610 testes de bafômetros foram realizados e apenas 5 pessoas foram autuadas pela Lei Seca.

Houve ainda diminuição no número de acidentes, principalmente em regiões consideradas críticas, como o trecho entre Taquaruçu e Palmas, que este ano não registrou nenhuma ocorrência de acidente de trânsito. De acordo com coronel Nogueira esse resultado satisfatório não é por acaso, houve um planejamento estratégico por parte da PM, o que otimizou o emprego do efetivo de forma que garantisse total segurança tanto aos foliões como à comunidade em geral.

Outro fator positivo apontado pelo Chefe do Estado Maior da PM foi a parceria com demais órgãos de segurança, e também com os gestores municipais, o que colaborou para o sucesso da Operação. Esse modelo de cooperação de forças empregado na “Operação Carnaval Seguro” deve ser estendido aos eventos de grande vulto realizados no decorrer do ano e também no policiamento diário.

O Comandante do Policiamento da Capital, coronel Messias Lopes da Conceição Júnior, apontou ainda como fatores de sucesso da Operação, a melhoria nos equipamentos de trabalho dos policiais e a motivação da tropa em virtude da valorização profissional. “Todos os policias realizaram da melhor forma e com bastante profissionalismo o seu trabalho, colaborando assim para que o Tocantins tivesse um dos carnavais mais seguros do Brasil”, destacou coronel Messias.

O Chefe do Estado Maior, coronel Nogueira, fez questão de lembrar que a segurança pública é um dever do Estado, direito e responsabilidade de todos, e a colaboração da população, principalmente através de denúncias pelo 190 é de fundamental importância para uma sociedade mais segura.

Participaram também da coletiva de imprensa o Subcomandante do Policiamento da Capital (CPI) – tenente coronel Luiz Carlos Barbosa Ferreira, o secretário Municipal de Segurança Pública, coronel José Ribamar de Amorim Pereira, além dos comandantes do 1º e 6º Batalhões da PM, da CIPRA e CIOE. (Com informações da PM)