Polí­tica

Foto: Divulgação

A deputada federal professora Dorinha Seabra Rezende (DEM-TO) foi escolhida membro titular de duas comissões mistas e suplente de outras duas para analisar quatro Medidas Provisórias enviadas pelo Governo Federal ao Congresso Nacional. As comissões são formadas por deputados e senadores e agilizam a análise das matérias na Casa.

A primeira MP (590/12) amplia os beneficiários do programa Brasil Carinhoso. Pela proposta, crianças e adolescentes com idade entre 7 e 15 anos também poderão fazer parte do programa. A segunda (MP 593/12) amplia a lista de beneficiários e ofertantes de bolsa-formação estudante do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec). 

A parlamentar também é membro suplente da comissão que vai analisar a MP 599/12 que estabelece a compensação, pela União, a estados e municípios de perdas decorrentes da redução de alíquotas interestaduais do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), e também do grupo criado para a MP 602/12, que autoriza a prorrogação de contratos por tempo determinado no âmbito do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia.